Robinson Faria promove comício em Tangará

O candidato ao Governo do Estado pela Coligação Trabalho e Superação, Robinson Faria (PSD), participou na noite deste domingo (09), de um comício no Centro de Tangará.

Ao lado do seu vice na chapa majoritária, Tião Couto (PR), ele agradeceu o apoio popular e se comprometeu em fazer muito mais pela região, caso seja reeleito. “Obrigado pela parceria, prefeito. Somos uma equipe competente e aguerrida que, mesmo diante da crise e da sabotagem dos adversários políticos, conseguimos levar o desenvolvimento aos quatro cantos do Estado. Recebi uma sucata para administrar, mas graças ao apoio dos amigos, das pessoas de bem que lutam por um Rio Grande do Norte melhor, estamos vencendo essa batalha”, comemorou.

Em seu discurso, o prefeito de Tangará, Jorge Eduardo (PR), agradeceu a Robinson a implantação do Microcrédito no município, com 120 financiamentos realizados e pelo programa de ampliação no abastecimento de água. “Em tempo de seca, nada seria mais importante que uma solução para a questão hídrica. E isso foi conseguido, graças a Deus, por mim, pelo deputado Gustavo Carvalho e pelo governador Robinson Faria. Aumentamos a vazão d’água de pelo menos 80 casas e já estão previstas mais 25 moradias. A luta é grande, mas estamos garantindo água encanada de qualidade na zona rural”.


Ivan Jr. e Benes fecham “dobradinha” política no Vale do Açu

O ex-prefeito de Assu e candidato a deputado Estadual Ivan Júnior (PSD) anunciou apoio à candidatura de Benes Leocádio (PTC) a deputado federal, durante entrevista à Rádio Princesa do Vale, em Assu. O apoio foi confirmado após a retirada da candidatura a federal da Dra. Vanessa Lopes, que por recomendações médicas teve que se ausentar do pleito. Ivan e Benes, ambos ex-presidentes da Federação dos Municípios do RN (FEMURN), fecharam dobradinha política com objetivo de eleger o deputado estadual e o federal do Vale do Assu e região Central.

Em mensagem de áudio divulgada na rádio, Dr. Vanessa, que passa por tratamento médico em São Paulo, confirmou união ao projeto político de Benes Leocádio. “Nosso sonho de ter um federal do Vale do Assú não acabou. Por este motivo que venho aqui hoje dizer a vocês o melhor nome para darmos nosso voto de confiança. O voto que legitime a nossa região. É por este motivo que eu hoje apresento meu candidato que é Benes Leocádio”, disse.

Para Vanessa, a união de Ivan e Benes era a dobradinha que o povo estava esperando. “Municipalista, homem público correto, Benes é da mais alta confiança. Vamos levar junto com Benes a bandeira em favor da paz” explicou Vanessa.

Após o anúncio, os candidatos foram acolhidos pela população que aguardava em frente a Rádio o final da entrevista. “É um projeto de renovação, que vai contribuir para o fortalecimento do Estado e da nossa região”, declarou Ivan Júnior.

Emocionado com a mensagem de Dra. Vanessa, Benes agradeceu a confiança e anunciou que a parceria política dele com Ivan deverá consolidar as eleições dele para deputado federal e Ivan Jr. para estadual.


Ezequiel faz comícios em Barcelona no Potengi e em Bento Fernandes no Mato Grande

O deputado estadual, Ezequiel Ferreira (PSDB), dedicou o sábado (8) a mobilizações nas regiões do Potengi e do Mato Grande. Por onde passou prestou contas do mandato, encontrou amigos e lideranças onde reforçou o trabalho em prol de ações para a sociedade potiguar.

Em Barcelona na região Potengi, o prefeito Neto Mafra e os vereadores Cristina de Natelmo, Israel Mafra e Leo de Abdias, organizaram a mobilização que também contou com a participação dos candidatos ao senado, Geraldo Melo, e a deputado federal, Benes Leocádio.

O trabalho do mandato de Ezequiel Ferreira, na Assembleia Legislativa por Barcelona tem bons resultados. Entre eles a entrega direta de uma ambulância, uma viatura policial e aumento de efetivo para melhorar o atendimento à população. Também foi executada, através de emendas, a recuperação do trecho da RN-093, tapa-buracos, programa compra direta, entrega de raquete para plantação de palma forrageira, além de ações para o abastecimento de água como perfuração e instalação de poços e veículos refrigerados para o transporte da produção do homem do campo.

Em Bento Fernandes, na região do Mato Grande, Ezequiel Ferreira foi recebido pelo vice-prefeito Robenilson Júnior, o presidente da Câmara, Professor Deca Nicácio, e os vereadores Geyson Barbosa, George e Jozélia. Lá participou de uma de uma carreata pelas principais ruas e um comício no Centro.

Estavam no comício o candidato a senador, Geraldo Melo, o candidato a deputado federal, Abraão Lincoln e o candidato a deputado estadual, Gustavo Costa, que tem o apoio do vice-prefeito Robenilson Júnior.

Em Bento Fernandes o mandato de Ezequiel Ferreira possibilitou a reforma de escolas da rede estadual; construção de uma quadra poliesportiva; reforma do destacamento da Polícia Militar e recuperação de trecho da RN-120. “Além disso, a questão do abastecimento de água para o município é sempre uma prioridade do mandato, através dos requerimentos de perfuração de poços nas comunidades rurais e assentamentos”, disse Ezequiel.


Fábio Faria faz passeata em São Pedro

O deputado federal Fábio Faria (PSD) participou de uma grande passeata pelas ruas de São Pedro, na noite de sábado (08).

Caminhando no meio do povo, ele percorreu as principais ruas da cidade, ao lado do prefeito Miguel, e recebeu manifestações de muito carinho da população.

Fábio é o deputado que mais rouxe recursos para o RN nessa legislatura e por onde tem passado, o trabalho realizado mostra resultados.

O prefeito Miguel agradeceu mais de R$ 2 milhões de reais em emendas para o município aplicar em saúde, pavimentação e recuperação do mercado público. E disse que Fábio será o deputado mais votado da história da cidade em reconhecimento ao trabalho que faz.

“Quem está com Miguel vota Fábio Faria 5555!”, reforçou.


Rogério Marinho faz caminhada em Caicó e recebe apoios em Acari, Campo Redondo e Tangará

O deputado federal Rogério Marinho (PSDB), candidato à reeleição, comandou neste domingo (09) uma caminhada em Caicó. Uma verdadeira onda azul passou pelas ruas do Cigano e Major Camboim, no bairro Paraíba. Ambas receberam calçamento a partir de emendas destinadas pelo parlamentar. Ao todo, Caicó já recebeu cerca de R$ 7 milhões a partir da atuação do tucano em Brasília.

Durante a caminhada, o deputado foi cumprimentado por dezenas de moradores das duas ruas, que aguardavam há mais de 40 anos pelo calçamento das vias. “É gratificante perceber a importância do trabalho realizado por nosso mandato para a população. São obras que trazem melhoria de vida, dignidade e valorização para os imóveis dos moradores. Vamos continuar trabalhando para que Caicó possa crescer muito mais”, disse.

Ainda no domingo, Rogério Marinho se reuniu com lideranças em Campo Redondo na parte da tarde, em evento que contou com a presença da vice-prefeita de Jaçanã, Josiane Silva, e recebeu o apoio do prefeito de Tangará, Jorginho, que liderou carreata e comício na cidade já durante a noite.

Antes, no sábado (08), Rogério Marinho participou de caminhada em São Rafael e de mais uma reunião com lideranças nem Acari. Na cidade seridoense, o encontro foi liderado por Virjânio Filho, que foi candidato a prefeito do município em 2016, e também contou com a presença do Vereador Chico Lins, de São Vicente.


Cada candidato à Presidência terá 25 policiais para sua segurança

O diretor da Polícia Federal (PF), Rogério Galloro, confirmou neste sábado (8) que a escolta de policiais federais para presidenciáveis deve aumentar de 21 para até 25 policiais por candidato. Segundo a assessoria da PF, a distribuição desse efetivo, por dia, será pensada conforme a agenda dos candidatos.

Em reunião na tarde deste sábado (8) na sede da PF, em Brasília, com representantes de partidos políticos, foram reafirmados os critérios de atuação, as orientações e os protocolos adotados pela PF.

Em nota divulgada após a reunião, a PF diz que o encontro foi marcado “em decorrência da elevação do nível de alerta provocado por evento crítico no decorrer da campanha”, em uma referência ao ataque sofrido pelo candidato do PSL à Presidência da República, Jair Bolsonaro.

Participaram do encontro representantes dos candidatos Álvaro Dias (Podemos), Marina Silva (Rede), Ciro Gomes (PDT) e Geraldo Alckmin. Nenhum representante do PSL compareceu à reunião.

De acordo com a assessoria da PF, desde o início da campanha, todos os presidenciáveis têm à disposição uma equipe de agentes integrados ao pessoal de segurança da campanha, mas só esses pediram o apoio.

Nessa sexta-feira (7), após participar do desfile comemorativo do 7 de Setembro, em Brasília, o ministro da Segurança Pública, Raul Jungmann, disse aos jornalistas que o efetivo da PF para a segurança dos candidatos à Presidência da República seria ampliado em até 60%, depois do episódio de quinta-feira (6) envolvendo o candidato do PSL, que foi esfaqueado durante campanha no centro da cidade de Juiz de Fora.

De acordo com o ministro, atualmente 80 agentes da PF fazem a segurança de cinco presidenciáveis que solicitaram o serviço, previsto em resolução do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), a partir do momento em que as candidaturas são oficializadas nas convenções eleitorais. Apesar da previsão, ressaltou Jungmann, a proteção não é automática e precisa ser solicitada pelas campanhas. Além de Bolsonaro, a PF faz a segurança de Alvaro Dias (Pode), Ciro Gomes (PDT), Geraldo Alckimin (PSDB) e Marina Silva (Rede).


Juíza determina quebra de sigilo telefônico de agressor de Bolsonaro

A Polícia Federal poderá rastrear ligações, mensagens e contatos feitos por Adélio Bispo de Oliveira antes de esfaquear o candidato do PSL à Presidência da República, Jair Bolsonaro, durante campanha em Juiz de Fora na última quinta-feira (6)

A autorização da quebra do sigilo telefônico do agressor foi dada neste sábado (8) pela juíza Patrícia Alencar Teixeira de Carvalho, da 2ª Vara Federal de Juiz de Fora. Ontem (7) a juíza converteu a prisão em flagrante de Adélio em prisão preventiva, sem prazo determinado.

Adélio já está preso em um presídio federal na cidade de Campo Grande, em Mato Grosso do Sul. Ele foi transferido hoje pela Polícia Federal. Para a Patrícia de Carvalho, solto, ele representa risco à sociedade e à ordem pública.

Agência Brasil


‘Meu discurso não vai mudar por circunstância’, diz Haddad sobre atentado a Bolsonaro

O candidato a vice-presidente da República pelo PT, Fernando Haddad, afirmou que a campanha petista não mudará de estratégia após o atentado sofrido por Jair Bolsonaro, candidato à Presidência pelo PSL. “Meu discurso não vai mudar por uma circunstância”, disse Haddad a jornalistas enquanto participava de um ato de campanha em São Paulo. O candidato faz neste sábado uma caminhada pela região de Parelheiros, na Zona Sul da capital paulista. A agressão sofrida por Bolsonaro gerou questionamentos sobre o rumo das campanhas adversárias.

A tendência é que os ataques diretos nas campanhas sejam suspensos. Haddad considerou, no entanto, que a campanha petista não tinha ataques a Bolsonaro como seu foco. Ele afirmou ainda desejar o restabelecimento da saúde do candidato.

Sobre a possibilidade de reforço na segurança de candidatos pela Polícia Federal, Haddad disse que aguarda contato da PF. “Não sei se o esquema de proteção a candidatos é o mesmo que há para vices”, comentou.

A campanha petista está prestes a tomar uma decisão sobre a chapa. Após a cassação do registro da candidatura do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva ao Planalto, o PT teve concedido um prazo de dez dias para indicar o candidato que será o novo cabeça de chapa. Haddad já havia afirmado que decidirá na segunda-feira (10) com Lula quem será o candidato a presidente.

Sobre a reunião com Lula, Haddad disse neste sábado apenas que será um despacho normal, que ocorre semanalmente.

Estadão Conteúdo


Cerca de 88 mil eleitores se registraram para votar em trânsito

A Justiça Eleitoral recebeu este ano 87.979 pedidos de eleitores para votar em trânsito nas eleições de outubro. O principal destino dos brasileiros no primeiro turno é São Paulo, o maior colégio eleitoral do país: 17.773 eleitores de todo o país se registraram para votar no estado.

Outros 16.044 eleitores de municípios paulistas solicitaram transferência temporária para votar em localidades distintas de onde estão inscritos, sendo que 8.101 ficarão no próprio estado.

Os eleitores que estiveram em trânsito no estado onde estão inscritos na Justiça Eleitoral poderão votar para todos os cargos: presidente, senador (dois votos), governador, deputados federal e estadual. Quem estiver fora do estado votará apenas para presidente da República.

A segunda maior movimentação de eleitores ocorre em Minas Gerais: 10.163 moradores de outras unidades da federação pediram para votar no estado. Outros 12.237 eleitores de Minas Gerais votarão em cidades diferentes onde estão inscritos, sendo que 6.743 estarão no próprio estado.

Segundo dados do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), 4.492 eleitores se cadastraram para votar em trânsito no Distrito Federal. Outros 2.928 eleitores deixarão Brasília no dia 7 de outubro, sendo que 508 irão para São Paulo, 476 para o Rio de Janeiro e 318 para Minas Gerais.

No primeiro turno, 3.394 eleitores votarão em trânsito na Bahia, sendo que 838 vão sair de São Paulo, 312 de Minas Gerais e 281 do Rio de Janeiro. Devem sair da Bahia 4.543 eleitores, com destino especialmente ao Rio de Janeiro (855), a São Paulo (614) e a Minas Gerais (539). Outros 1.835 eleitores pretendem votar em trânsito dentro do estado.

Nestas eleições, 406 brasileiros inscritos no exterior pediram para votar em trânsito no Brasil. Além desses, 25.617 pediram transferência temporária para votar fora dos domicílios de origem. Pessoas com deficiência que solicitaram transferência para votar em seções adaptadas somam 1.442 eleitores.

É possível saber o local de votação na página principal do portal do TSE (www,tse.jus.br), na seção “Serviços ao Eleitor”, após preencher nome ou título de eleitor, data de nascimento e nome da mãe.

Agência Brasil


Rogério Marinho recebe apoio em Boa Saúde e se reúne com trabalhadores em Natal, Extremoz e Parnamirim

A candidatura à reeleição do deputado federal Rogério Marinho (PSDB) segue recebendo apoios. Dessa vez o reforço veio do município de Boa Saúde. Candidato a prefeito da cidade em 2016, o médico Dr. Wellington Rocha anunciou durante reunião com lideranças e amigos, nesta sexta-feira (07), que votará no tucano para a Câmara dos Deputados. O parlamentar também esteve presente.

“Nosso mandato tem como foco principal ser parceiro dos municípios, trabalhar em conjunto para fortalecer nossas cidades e contribuir com a melhoria da qualidade de vida dos potiguares. E com o apoio de Dr. Wellington, trabalharemos juntos para que a cidade possa voltar a crescer e atender aos anseios da população”, disse Rogério Marinho.

Na quinta-feira (06) o deputado se reuniu com trabalhadores em Natal e Parnamirim. Na capital potiguar, debateu projetos e ações a favor do Estado com profissionais que atuam no mercado de comércio de automóveis. Em Nova Parnamirim, esclareceu dúvidas em torno da nova lei trabalhista a funcionários de uma distribuidora.

Já na quarta-feira (05), Rogério Marinho foi até o Distrito Industrial de Extremoz, onde se reuniu com trabalhadores da indústria alimentícia. Mais uma oportunidade para fazer prestação de contas do seu mandato e abordar projetos que contribuem para o desenvolvimento econômico do Rio Grande do Norte.

Neste sábado, o deputado cumprirá agenda nas cidades de São Rafael e Acari. No domingo (09), estará em Caicó, Campo Redondo e Tangará.


Open chat
Desenvolvido por João Paulo da Silva WhatsApp (84)9.9482-3070