Dia: 10 de novembro de 2021

ELEIÇÕES 2022: Moro se filia ao Podemos e diz que está “à disposição” para liderar projeto nacional

Foto: Estadão Conteúdo

Ao som do coro, “Brasil para frente, Moro presidente”, o ex-juiz Sergio Moro e pré-candidato à presidência da República em 2022, se filiou ao Podemos, durante cerimônia, nesta quarta (10), em Brasília com um discurso forte e repleto de “indiretas”, prometeu combater a corrupção e erradicar a pobreza no Brasil.

O ex-juiz também falou sobre seus projetos de combate à corrupção, além de citar problemas na economia no país. “Chega de corrupção, de mensalão, de petrolão e de Rachadinhas e chega de orçamento secreto. No fim chega de querer levar vantagem em tudo e enganar o povo brasileiro”, afirmou.

Moro também foi firme ao dizer que está pronto a para disputa presidencial. “Esse filho teu não fugirá à luta. O Brasil precisa de um líder que não irá colocar os interesses seus, dos seus filhos e amigos à frente do interesse do país. Jamais usarei o Brasil para ganho pessoal. Estou recomeçando hoje e coloco-me à disposição de vocês”, afirmou Moro que foi magistrado por 22 anos e o juiz mais atuante da Operação Lava-Jato.

Em seu discurso, Moro ainda abordou temas relacionados à Saúde, Educação e Economia, como a alta constante no preço dos combustíveis, da energia elétrica, e dos preços dos alimentos, como a carne, nos supermercados e indagou aos presentes: “Quando, afinal, o Brasil, o país do futuro irá se tornar realmente o país do futuro?”.

Moro deixou a magistratura ao aceitar o convite do presidente Jair Bolsonaro para assumir o Ministério da Justiça. Ele saiu da pasta em 2020 após divergências sobre o comando da Polícia Federal.

Ubaldo cobra mais poços tubulares para combater crise hídrica no RN, especialmente na região Potengi

O deputado estadual Ubaldo Fernandes (PL) fez críticas e cobranças, na manhã desta quarta-feira (10), ao poder executivo estadual. “Tem momento que não dá pra ficarmos calados em determinados assuntos. Visitamos vários municípios e temos constatado carência no que se refere à crise hídrica que abala o RN. Todos os deputados têm recebido pleitos das lideranças dos municípios sobre a necessidade de poços tubulares”, iniciou.

O parlamentar enfatizou que a água não chega aos distritos mais distantes, principalmente das áreas rurais, e isso faz com que a população tenha ficado insatisfeita e fazendo cobranças aos seus representantes públicos. “O Governo tem tentado fazer com que essas reivindicações sejam atendidas, mas de forma morosa e ainda pequena, diante da grande demanda. O Estado tem anunciado que vai instalar 300 poços, mas é muito pouco para a crise instalada”, observou.

O deputado Ubaldo criticou, ainda, falhas no processo. Ele relatou que tem muitos poços perfurados e não instalados e os cidadãos não têm condições de arcar com esse gasto. “Não adianta fazer incompleto. Tem vários poços no RN nesta situação, inclusive de governos anteriores, e que infelizmente estão inutilizados. O Governo tem que ter agilidade de proceder perfuração e instalação simultaneamente para que haja eficiência e fica nosso apelo ao Estado”, disse Ubaldo enumerou algumas das regiões mais atingidas, como o Trairi, Seridó, Potengi, Alto Oeste.

“Essas regiões precisam que chegue esses investimentos e chamamos a atenção da Secretaria Estadual de Recursos Hídricos e do secretário João Maria, com que já estive várias vezes fazendo essa cobrança, com o objetivo de combater os efeitos da seca.

Artigo deputado Girão: “Falta respeito, falta humanidade e falta governo do RN”

Insegurança, escolas sem aulas e saúde, mais do que nunca, na UTI. Esse é o retrato do Rio Grande do Norte sob a gestão incompetente e irresponsável da desgovernadora Fátima Bezerra.

Na área da saúde, o Governo do RN, desde o início da pandemia, há quase 1 ano e 8 meses, tem recebido recursos muito superiores aos habituais, o que daria para ter melhorado – e muito – a qualidade do serviço oferecido. No entanto, a desgovernadora preferiu arriscar R$ 5 milhões na compra de respiradores que nunca chegaram e nunca vão chegar. O resultado, todos nós sabemos: um milionário calote e uma série de desculpas para justificar o injustificável.

Faltam medicamentos, faltam insumos simples como gaze, falta alimentação para médicos, funcionários, pacientes, falta pagamento de diárias aos profissionais da saúde, falta atendimento, falta tudo. Falta, principalmente, respeito com a vida humana. E isso, nos faz deparar com a absurda morte de um senhor de 56 anos, por falta de atendimento médico. Faltam adjetivos para tamanha irresponsabilidade. Nós estamos acionando o Ministério da Saúde e o Ministério Público do Estado e solicitando a devida apuração deste caso para que os culpados sejam devidamente punidos. Uma sindicância se faz mais do que necessária.

Na segurança, crimes como assaltos e homicídios acontecem em qualquer região e em qualquer horário sem nenhum ‘constrangimento’ por parte dos bandidos. Vale salientar que nestes quase três anos, o Governo Bolsonaro enviou R$ 195 milhões apenas para a segurança pública do RN distribuídos em veículos, coletes, armamentos, munições, etc.

Na Educação, as escolas estaduais passaram 19 meses sem aulas durante a gestão de uma governadora que se diz professora. Algumas, remotas. Outras, nem isso. O retorno das aulas foi autorizado em outubro passado, mas, segundo informações da imprensa local obtidas através da própria Secretaria, cerca de 12 mil estudantes ainda estão com 100% de ensino remoto. Isso, é claro, os que podem ter acesso à internet. Falta estrutura para o retorno de 100% das aulas na rede estadual. O que está faltando? Se a governadora estivesse em solo potiguar, ficaria mais fácil de perguntar ou, por parte dela, buscar sanar a deficiência que vive a educação do RN.

Diante dessa incompetência generalizada, na qual, educação, saúde e segurança estão ruindo, diante dos nossos olhos, a Governadora está viajando para a Europa. O grito do povo potiguar e da oposição ao atual governo ecoa, mas os órgãos fiscalizadores também precisam tomar essa responsabilidade e agir. O resultado dessa sindicância deve ser a responsabilização da gestão, desde a mais alta cadeira do governo. Enquanto isso, o povo vai juntando o respaldo necessário para fazer justiça, nas urnas, em 2022.

General Girão
Deputado Federal/RN

Em Parnamirim, bancos devem facilitar a prova de vida para aposentados e pessoas com deficiência

Na cidade de Parnamirim, agora é Lei! Os bancos da cidade vão passar a realizar visitas presenciais de comprovação de vida aos clientes idosos e pessoas com deficiência que tenham comprovada capacidade de mobilidade reduzida, sem a necessidade de os mesmos se deslocarem até as agências, enfrentando filas e aglomerações.

O Projeto de Lei foi submetido pelo Vereador Thiago Fernandes e sancionado pelo Prefeito Rosano Taveira. “A comprovação de vida realizada presencialmente nas agências bancárias é uma queixa dos idosos há algum tempo. Na pandemia, esse problema se acentuou. Então vimos a oportunidade de transformar a obrigatoriedade da visita presencial em Lei”, explicou o Vereador.”

A Lei sancionada define que todas as agências bancárias que se encontram dentro dos limites de Parnamirim devem destinar funcionários devidamente identificados para proceder com as visitas de comprovação de vida do idosos solicitante. Além disso, determina que a agência bancária tenha a disposição um número telefônico exclusivo para o agendamento prévio pelo cliente, com dia e hora marcados.

“Trabalho com idosos há alguns anos, mesmo antes de ser Vereador, e fico muito orgulhoso em representar os interesses deles na Câmara de Parnamirim, contribuindo para uma melhor qualidade de vida e diminuindo as dificuldades do dia a dia dessas pessoas que tanto fizeram por nós”, concluiu Thiago.

Processo dos Precatórios: ADURN convoca professores para decidir sobre acordo

Quase dois mil professores têm direito a pagamentos em processo que se arrasta desde 1991. O desfecho está próximo com plebiscito.

O Sindicato dos Docentes da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (ADURN-Sindicato) convoca os professores associados para decidir sobre o futuro da ação judicial conhecida como Processo dos Precatórios. No período de 22 de novembro a 3 de dezembro, por meio de plebiscito, os docentes vão decidir se aceitam o acordo decorrente das negociações entre ADURN e Procuradoria Geral Federal (PGF).

Para votar, o professor deve acessar o site da ADURN-Sindicato no endereço www.adurn.org.br. Caso o professor tenha interesse em fazer o acordo, além de votar, deverá assinar termo de declaração que está disponível no site.

O Processo dos Precatórios envolve quase dois mil professores da UFRN de todo o estado e teve início em 1991. A ação está próxima de um desfecho. Em 2018, depois de decisão em assembleia, a ADURN-Sindicato apresentou acordo junto à PGF. Agora, os professores irão decidir se acatam o acordo administrativo ou seguem com o processo judicial.

Antes de votar no plebiscito, os professores beneficiários da ação coletiva podem consultar individualmente as quantias previstas no acordo pelo site: www.adurn.org.br/consultaprecatorios.

Subtenente Eliabe critica posicionamento do secretário de Saúde do RN

A situação da Saúde Pública do Estado foi tema do discurso do deputado Subtenente Eliabe (SDD) durante sessão ordinária desta quarta-feira (10). O parlamentar repercutiu o caso do homem que morreu na sexta-feira passada (5) após gravar um vídeo dizendo que estava infartando e teve atendimento negado no pronto-socorro do Hospital Walfredo Gurgel, em Natal.

“Sabemos que a saúde pública sempre teve seus problemas, porém estamos vivenciando uma situação nunca vista neste estado”, declarou.

O parlamentar repercutiu também o relato do médico Madson Vital pedindo atenção para com os pacientes e prestadores de serviços que atuam na área.

“Quero deixar toda minha solidariedade a todos os familiares e amigos do senhor José Willams da Rocha, e me assusta o silêncio total e absoluto do secretário de saúde, que não se pronuncia, a não ser para tratar o caso como algo pontual”, disse. “O caso do senhor José Wiliam apenas escancara o caos que está a saúde pública no RN”, finalizou.

Riachuelo: Prefeito Joca Basílio e demais membros da gestão, participam de abertura aos festejos ao Padroeiro

O município de Riachuelo vivencia durante este mês de Novembro, a festividade alusiva ao seu padroeiro. A Festa do Sagrado Coração de Jesus teve sua abertura oficial na noite desta terça-feira, 09. A abertura teve em sua programação inicial uma carreta, batismo de carros e motos, hasteamento de bandeira e missa celebrada pelo arcebispo metropolitano Dom Jaime Vieira.

Como noiteiros, o prefeito Joca Basílio e a vice-prefeita Clébia Sena participaram do evento juntos aos secretários municipais, vereadores e autoridades. Os festejos ao Sagrado Coração de Jesus acontecem até o dia 20 de novembro e recebe o apoio da Prefeitura Municipal.

Governo do RN viabiliza a participação de quase 2 mil artesãos na feira Brasil Mostra Brasil

Governador em exercício diz que os artesãos mostram o Rio Grande do Norte por meio de seus trabalhos

Com o arrefecimento da pandemia do novo coronavírus, o Governo do Estado retomou o incentivo à participação presencial dos artesãos em feiras de artesanato, afirmou o governador em exercício do Rio Grande do Norte, Antenor Roberto, em visita à 26ª Multifeira Brasil Mostra Brasil, na noite desta terça-feira, 09.

Este ano, 26 municípios do RN estão presentes na Brasil Mostra Brasil, a maior representação de artesãos do Estado no evento. O governador em exercício disse que o artesanato que o Governo do Estado levou para a Multifeira, com trabalhos em rendas, bordados, de materiais reciclados e outras tipologias, é a expressão da criatividade dos artesãos do RN.

O artesanato resgata personagens, lendas, enfim, a ancestralidade potiguar, assinalou Antenor Roberto. “É uma forma de manter viva a criatividade de nosso povo”, descreveu o governador do Estado em exercício, Antenor Roberto, em visita na noite desta terça-feira, à Multifeira Brasil Mostra Brasil, na Arena das Dunas.

O Governo da professora Fátima Bezerra, que tem uma origem popular, tem esse olhar de valorização das feiras de artesanato.

As feiras no Rio Grande do Norte passaram a ser revitalizadas a partir da gestão da professora Fátima Bezerra, afirmou o governador do Estado em exercício, Antenor Roberto. Segundo ele, por causa dos dois anos da pandemia, o setor teve prejuízos. “Agora, com o arrefecimento da pandemia, o impulso (à atividade artesanal nas feiras) está sendo retomado este ano para que possamos manter viva e acesa a identidade da história a da cultura do Rio Grande do Norte por meio do artesanato”, afirmou Antenor Roberto.

A secretária da SETHAS, Iris Oliveira, que acompanhou o governador na Feira, destacou que o evento é mais um espaço de comercialização para o artesão potiguar e uma oportunidade, principalmente aquele que é do interior do Estado, de dar visibilidade à arte e à cultura expressa por suas peças. Também acompanhou o governador em exercício, o procurador geral adjunto em exercício, José Duarte Santana.

Para a subcoordenadora do Proarte (Programa Estadual do Artesanato do RN), Graça Leal, da SETHAS, pelos depoimentos dos artesãos na Brasil Mostra Brasil eles demonstram o quanto estão agradecidos ao Governo do Estado pela possibilidade de estar na feira. “Pela primeira vez todos saem de casa e se reencontram na feira. Hoje os artesãos estão colocando seus trabalhos como referência da cultura potiguar”.

O diretor da Feira, Wilson Martinez, que recebeu o governador e toda equipe do Governo do Estado, disse a partir desta quinta-feira a expectativa é um aumento do público.

De 05 a 15 de novembro, em dez dias portanto, é aguardado um público de 80 mil pessoas. A Brasil Mostra Brasil ocupa 12 mil m² de área de exposição e gera de 700 empregos diretos e indiretos.

ARTESÃOS

Pelos estandes da Multifeira, o artesanato está entre os produtos que mais chamam atenção. Este ano, a SETHAS viabilizou a participação direita e indireta cerca de 1.900 artesãs individuais e quatro associações do segmento.

Seu Valdir Alves, 77, de Parnamirim, usa seu artesanato para mostrar como o futebol e o esporte em geral são expressões culturais do país. De acordo com ele, o apoio do Governo do Estado é essencial para que artesãos como ele participem de feiras. Do contrário, não teria condições de pagar por um estande para expor suas peças.

José Carlos (Carlito), 49, disse que levou para a Brasil Mostra Brasil 104 peças exclusivas de fibra de palha de carnaúba. Carlito explicou que sem o apoio do Governo do Estado não teria como participar de eventos como a Feira.

A artesão especialista em produtos de couro, Sidnéia Barbosa, 36, vendeu uma pulseira para o governador Antenor Roberto. Desde os 12 trabalhando com artesanato, ela também disse que sem o apoio da SETHAS/PROARTE não estaria na Brasil Mostra Brasil e outras feiras.

Dona Oscarina Bezerra, 66, de Parnamirim, há 25 anos é presença nas feiras e conta que sem a seleção por editais do Proarte não estaria expondo seus produtos.

Concorda com ela, Margareth Gomes, do Complexo Santá, de Santa Cruz, resumiu que os editais do Governo do Estado são um incentivo para quem vive do artesanato.

O Santá representa 22 artesãos diferenciados pelas peças que reproduzem a cultura e memória do município do Trairi Potiguar. É um artesanato que conta a história da dos ladrilhos do lugar, calçadas antigas, enfim, a arquitetura, as personagens, ícones materiais e imateriais do universo formador da vida em Santa Cruz.

Dona Helena de Medeiros, 86 anos, disse que sempre viveu do artesanato, e estar nas feiras é uma forma de manter seu trabalho vivo.

FEIRA

Brasil Mostra Brasil

Municípios presentes com artesanato:
1- São Gonçalo do Amarante
2 – Ceará Mirim
3 – Currais Novos
4 – Passa e Fica
5 – Cajazeiras
6 – Alto do Rodrigues
7 – Caicó
8 – Santa Cruz
9 – Vera Cruz
10 – Lajes
11 – São Miguel do Oeste
12 – Parnamirim
13 – Natal
14 – São José de Mipibú
15 – Macaíba
16 – Nizia Floresta
17 – Certo Corá
18 – Assú
19 – Mossoró
20 – Ouro Branco
21 – Extremoz
22 – Pendência
23 – Pureza
24 – Timbaúba dos Batistas
25 – Alto do Rodrigues
26 – Acarí

Serviço:
Evento: 26ª Multifeira Brasil Mostra Brasil
Data: 05 à 15 de novembro 2021
Horário: das 16h às 22h
Local: Arena das Dunas
Ingresso: R$ 10 (dez reais) inteira / R$ 5 (cinco reais) estudante
Site: www.brasilmostrabrasil.com.br

Festa da padroeira da Arquidiocese inicia nesta quinta-feira (11)

Tem início nesta quinta-feira, 11, a festa de Nossa Senhora da Apresentação, padroeira da Arquidiocese e da cidade do Natal. A programação de abertura constará de hasteamento das bandeiras e missa, em dois locais e horários: às 16h, na antiga Catedral, e, às 19h, na Catedral Metropolitana. As duas celebrações serão presididas pelo arcebispo Dom Jaime Vieira Rocha.

No período de 12 a 20, na antiga Catedral, às 6h, haverá recitação do terço e missa; às 16h, recitação do Ofício de Nossa Senhora, e, às 16h, missa. Já, na Catedral Metropolitana, às 19h, haverá celebração de novena, presididas por bispos de dioceses vizinhas. Todas as noites, após a novena, haverá funcionamento de quermesse.

Os festejos seguem até 21 de novembro. Nesse dia, a programação iniciará às 5 horas, com a procissão fluvial pelo rio Potengi. Ainda devido à pandemia, não acontecerá a tradicional missa, na Pedra do Rosário. Durante o dia, serão celebradas cinco missas, além de uma carreata, à tarde.

Os fiéis poderão participar, de forma presencial, de todas as atividades, nas duas igrejas, durante a festa. Todo o novenário será transmitido também pelas redes sociais (Youtube e Facebook) da Arquidiocese de Natal.
Neste ano, a festa tem como tema: “Maria, esposa de José, fiel na escuta da palavra e auxílio dos cristãos”.

Em jantar, PSB discute candidatura de Joaquim Barbosa em 2022

Foto: Divulgação

A cúpula do PSB voltou a cogitar a candidatura do ex-ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Joaquim Barbosa à Presidência da República pelo partido, só que agora em 2022.

A possibilidade foi discutida em um jantar de Barbosa com integrantes da direção da legenda na última quinta-feira (4/11), na sede nacional da sigla, em Brasília.

Na conversa, segundo apurou a coluna com participantes do jantar, o ex-ministro do STF demonstrou “preocupação” com o cenário econômico e social do Brasil.

“Tenhamos paciência. Ele não está fora do jogo. Repito: não está fora”, afirmou à coluna um dirigente do PSB que é aliado de Barbosa e que participou do jantar.

Segundo fontes da cúpula do PSB, o ex-ministro demonstrou disposição em concorrer ao Planalto, mas rejeitou disputar outro cargo majoritário, como a uma vaga no Senado.

Além da candidatura de Barbosa, o PSB negocia possível aliança com o ex-presidente Lula, que pretende disputar o Palácio do Planalto no próximo ano.

Nas eleições de 2018, o ex-ministro do Supremo chegou a ensaiar uma candidatura a presidente da República pelo PSB, mas acabou desistindo de entrar na disputa.

Metrópoles