Após morte de 5 policiais, Subtenente Eliabe cobra ações para frear Covid-19 entre profissionais de segurança

Em Sessão Ordinária desta terça-feira (16), o Deputado Estadual Subtenente Eliabe (Solidariedade) apontou a ausência de condições sanitárias adequadas para atuação de policiais e bombeiros do Rio Grande do Norte. A crítica ao Governo do Estado foi motivada após a morte de cinco policiais militares por Covid-19 nesta semana.

O parlamentar afirma que a pandemia demandou ainda mais esforços dos profissionais de segurança e salvamento, como os policiais militares. “PMs estão tendo que combater o crime e atuar para evitar aglomerações. Isso tem exposto mais ainda os colegas ao perigo, sem estarem tendo a devida atenção do Governo”, argumenta.

Para o deputado, o poder executivo falha em garantir condições sanitárias adequadas. “O mínimo que deve oferecer de forma sistemática são máscaras, álcool, limpeza de viaturas, e isso não está acontecendo. O Governo do RN já deveria ter uma empresa especializada em limpeza dos veículos, mas quem faz são os próprios policiais. Não é uma situação aceitável”, acrescentou. Eliabe também compartilhou denúncias que recebeu de policiais, criticando a qualidade das máscaras oferecidas pelo Governo.

O parlamentar concluiu pedindo prioridade aos profissionais de segurança pública na vacinação contra a Covid-19. “Os policias ficaram à margem. É uma situação de indignar. Faço um apelo à governadora. Que saia da omissão, são vidas que estamos perdendo. Os policiais estão se infectando nas ruas e adoecendo as famílias”, disse.

Deixe uma resposta

Open chat