Dia: 4 de março de 2021

Ezequiel Ferreira solicita investimentos para região do Potengi

O deputado Ezequiel Ferreira (PSDB), presidente da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte, apresentou uma série de requerimentos com o objetivo de buscar investimentos para o Potengi potiguar. O parlamentar solicita contribuições para a segurança pública, saúde, recursos hídricos e infraestrutura da região.

A primeira solicitação é de uma ambulância para a cidade de São Pedro, que não possui veículos adequados suficientes para a tender à demanda da população. “Boas condições de saúde é um fator fundamental para o melhor desenvolvimento social de um município, e sem um veículo apropriado para transportar seus enfermos ou acidentados para um hospital ou outro centro com melhores condições hospitalares, a saúde fica comprometida”, justifica Ezequiel.

Entre as reivindicações, Ezequiel requer a disponibilidade de uma nova viatura policial, modelo 4×4, para Ielmo Marinho. O deputado lembra que a maior parte da população do município é residente em áreas rurais, com ruas e acessos não pavimentados. “As estatísticas revelam um aumento considerável de vítimas em práticas criminosas e atualmente a cidade não possui uma viatura adequada para transitar nessas áreas”, disse.

Ezequiel também solicitou um estudo de viabilidade para a disponibilidade de carros fumacê para Ielmo Marinho, com o objetivo de combater o mosquito Aedes aegypti, mosquito que transmite a dengue, zika e chikungunya. A Prefeitura do município está preocupada com a possibilidade de aumento de casos das doenças devido à época de chuvas, período em que há elevada proliferação de mosquistos. Ainda para a Saúde pública de Ielmo Marinho, Ezequiel apresentou requerimento buscando a disponibilidade de uma ambulância para a região.

Outra reivindicação de Ezequiel é a perfuração e instalação de poços tubulares nas comunidades rurais do município de Ielmo Marinho. A obra se faz necessária para “prevenir os problemas que poderão surgir caso o colapso no abastecimento d’água da cidade esteja sob ameaça”.

Já na área da infraestrutura, o deputado sugere que seja realizado convênio entre a Prefeitura de Ielmo Marinho e o Governo do Estado para pavimentação e drenagem de ruas. “Esses investimentos contribuirão para a valorização dos imóveis e para a integração da comunidade”, disse Ezequiel. Os requerimentos foram encaminhados a governadora Fátima Bezerra (PT) e a sua equipe de secretários.

Prefeitura aumenta em 30% número de viagens nos horários de pico do transporte público em Natal; veja linhas que terão incremento

Com o intuito de evitar a aglomeração no sistema de transporte público da capital, as 15 linhas de ônibus de maior demanda em Natal passarão por readequação de viagens ao longo do dia a partir da próxima segunda-feira. Nos horários de pico de passageiros, haverá aumento de 30% no número de viagens, segundo anunciou a Secretaria de Mobilidade Urbana de Natal em entrevista coletiva na manhã desta quinta-feira.

Esta é uma medida emergencial da Prefeitura de Natal e inicialmente atenderá às 15 linhas de maior uso na cidade, que têm origem na Zona Norte e chegam até a Zona Sul. O secretário de Mobilidade Urbana, Paulo César de Medeiros, afirmou que esta readequação já vinha sendo estudada e será implantada de forma emergencial no período crítico da pandemia, sendo mais uma providência nesta área pela Prefeitura de Natal para conter a contaminação pelo coronavírus. Somente na área de transporte público foram retomadas a desinfecção das paradas de ônibus e a desinfecção dos veículos no meio das viagens das linhas de maior quantidade de usuários.

“A solução que a gente propõe é usar a ociosidade de algumas horas para cobrir os períodos de pico e nós temos convicção de que vai funcionar e vamos ficar acompanhando todos os dias, todas horas”, afirmou o secretário Paulo César de Medeiros. “O problema da superlotação está de manhã, e mais fortemente à tarde. Então a gente deslocou as viagens que estavam no entre pico para esses períodos”, disse, explicando o aumento de 30% das viagens nos períodos de pico, de acordo com levantamento realizado.

Mudança

De acordo com estudo elaborado pelo Departamento de Planejamento da STTU, essas linhas, especificamente, passaram a concentrar o horário de pico maior no período tarde/noite, com a saída das pessoas do trabalho e indo diretamente para suas casas, diferente do que ocorria antes, quando o maior horário de pico de usuários do sistema de transporte era por cerca de duas horas pela manhã.

Nos horários entre picos, a demanda de passageiros diminuiu ainda mais desde o início da pandemia no ano passado e com isso, a estratégia da STTU foi adequar as viagens, diminuindo nos horários de menor fluxo de passageiros, aumentando nos horários de maior demanda.

O levantamento mostra ainda que a queda da demanda do transporte público em Natal foi de 66% com a pandemia, gerando uma queda de 30% da frota e 40% de número de viagens. “Não é frota que determina a qualidade do sistema de transporte, é o número de viagens, é a capacidade que esta frota que está em operação tem de passar na parada de ônibus. Então esta frequência determinada pelo número de viagens, é que faz com que o passageiro sinta que o sistema é eficiente. Aumentar a oferta de viagens vai diluir esse pico”, explica o diretor do Departamento de Planejamento da STTU, Newton Souza Filho.

Eficácia

De acordo com o secretário, o acompanhamento será contínuo para detectar se ainda há aglomeração e assim tomar novas medidas. “A gente sabe que o transporte público provoca aglomeração e portanto pode provocar o agravamento [da contaminação]. Mas só não acho que seja decisivo para este quadro que a gente tá vivendo, pois são muitos fatores que contribuem, afirmou Paulo César. Ele cita os meses em que o transporte público continuou com diminuição de frota e nem por isso houve registro de aumento de casos da Covid-19 em Natal.

Apelo

Além das medidas para evitar a propagação do vírus pela Prefeitura de Natal, o secretário faz um apelo ao usuário dos sistema de transporte para que utilize máscaras, na medida do possível mantenha as mãos limpas e mantenha o distanciamento. “A desinfecção dos veículos também é uma medida educativa, para mostrar às pessoas que elas têm que ter cuidado com as superfícies que elas tocam, e todos, na medida do possível, têm que manter as mãos limpas, usar máscaras. Nós entendemos que essa tarefa no momento pandêmico, não é uma tarefa só do governo. O estado pode fazer muitas coisas, mas não pode fazer tudo. nós também temos que ter cuidado, de toda a população e a gente insiste no pedido de cuidados de manter distanciamento, usar máscaras durante as viagens”, acrescentou.

Linhas que terão incremento de viagens nos horários de pico das 6h às 7h e das 17h às 18h:

73; 50; 08; 29; 60; 64; 43; 07; 77; 79; 84; 35; 02; 15; e 75

Com apoio do Proedi, fábrica em São Paulo do Potengi inicia exportações de castanhas de caju para os EUA

Com destino à Nova Iorque (New York), primeiro contêiner da Greenlife Cashew leva 17 toneladas de amêndoas produzidas em São Paulo do Potengi; empresa foi reativada após 6 anos de inatividade.

De São Paulo do Potengi (RN) para Nova Iorque (New York): as castanhas de caju da Greenlife Cashew, reativada no início do ano graças aos incentivos fiscais do Governo do Rio Grande do Norte, embarcaram na última quarta-feira (3) com destino à cidade mais desenvolvida dos EUA, levando toda a qualidade e o sabor potiguar aos norte-americanos. Foram enviadas 700 caixas, contendo aproximadamente 17 toneladas de amêndoas de castanhas de caju (ACC) produzidas com o apoio do Programa de Estímulo ao Desenvolvimento Industrial (Proedi) implementado na gestão da governadora, professora Fátima Bezerra, através da coordenação dos secretários estaduais Jaime Calado, da pasta do Desenvolvimento Econômico (Sedec), e Carlos Eduardo Xavier, à frente da Tributação (SET).

Segundo o secretário de Desenvolvimento Econômico, Jaime Calado, a notícia prova que o desenvolvimento econômico do estado segue no caminho certo. “Esta é uma conquista de todo o Rio Grande do Norte. Ver uma empresa que estava parada há 6 anos retomar as atividades, em um período difícil como o que estamos vivendo, voltar a produzir em poucos meses e já exportar esse produto tão simbólico do nosso RN mostra que nosso trabalho está valendo a pena”, comemorou o secretário.

De acordo com o diretor da empresa, Júnior Praxedes, este é apenas o primeiro contêiner de ACC enviado para outro país. A perspectiva é de que 30 contêineres sejam destinados ao mercado externo até dezembro, e 3 ou 4 serão exportados ainda este mês. Além dos Estados Unidos, o Canadá e alguns países da Europa também deverão receber as remessas, que, ao todo, somam mais de 500 toneladas de ACC exportadas.

Este número equivale a 60% da produção da empresa. Os outros 40% têm destino no mercado interno brasileiro. Desde que reabriu, em janeiro deste ano, a Greenlife já passou a comercializar seu produto em estados como São Paulo, Minas Gerais, Bahia, Pernambuco, Ceará e, como não poderia faltar, Rio Grande do Norte.

Para a reativação da fábrica, foram investidos R$ 33 milhões pelo grupo JPX. O grupo emprega atualmente 350 pessoas na fábrica de castanhas e em postos de combustíveis, lojas de peças e serviços, indústria de pré-moldados e na construção civil. Apenas a Greenlife Cashew gera 200 empregos diretos e deverá ampliar em mais 150 até a próxima safra de cajus. Além das amêndoas (castanhas), produto de consumo tipicamente nordestino, a empresa aproveitará o líquido (LCC) e a casca das frutas, utilizados para diversos fins, como na produção de inseticidas, verniz e combustíveis.

REVIRAVOLTA: TSE manda que seja retotalizado votos e Sandro Pimentel perderá vaga para Jacó Jacome na ALRN

Após o Plenário do TSE decidir pela cassação do deputado estadual Sandro Pimentel (PSOL), o relator do caso, ministro Luís Felipe Salomão determinou que o Tribunal Regional Eleitoral (TRE-RN), realize a retotalização de votos anulando os votos de Sandro Pimentel, o que na prática levará Jacó Jacome a assumir o mandato na Assembleia Legislativa, visto que ficou como primeiro suplente da coligação Trabalho e superação II.

Sandro Pimentel havia entrado com embargos de declarado para suspender os efeitos da decisão há quatro meses, porém também foi negado

A decisão diz que: “Ante o exposto, indefiro o pedido de concessão de efeito suspensivo aos embargos opostos por Sandro de Oliveira Pimentel, admito Jacob Helder Guedes de Oliveira Jácome no feito como assistente simples e concedo a liminar por ele requerida, com ordem para que se recalculem os quocientes eleitoral e partidário relativos ao cargo de deputado estadual do Rio Grande do Norte nas Eleições 2018, sem computar os votos atribuídos a Sandro de Oliveira Pimentel, e se adotem as providências decorrentes do novo resultado”.

Confira decisão na íntegra AQUI no Justiça Potiguar.

Ubaldo entrega ao prefeito de Bom Jesus emenda pra saúde

O deputado estadual Ubaldo Fernandes (PL) entregou simbolicamente, nesta quinta-feira (04), ao prefeito de Bom Jesus, Clecio Azevedo, emenda no valor de R$ 50 mil para aplicação na área de saúde.

“Estou sempre à disposição da sua gestão para contribuir com o desenvolvimento desse município tao importante e já me comprometo a, todos os anos, viabilizar emendas para Bom Jesus.”, enfatizou o parlamentar.

“Agradecemos demais ao deputado por esta emenda, que utilizaremos para compra de equipamentos na área da saúde. Recurso esse que chega em boa hora e com certeza será importante para nossos munícipes. Obrigado”, disse o chefe do Executivo Municipal.

Mandetta testa nome como candidato ao Planalto em 2022 e tenta afastar DEM de Bolsonaro

O ex-ministro da Saúde Luiz Henrique Mandetta iniciou um movimento para tentar afastar o seu partido, o Democratas, do presidente Jair Bolsonaro. Paralelamente, ele pretende testar o seu nome como possível candidato ao Palácio do Planalto em 2022.

O primeiro passo foi dado na terça-feira, com a realização de uma live com o presidente nacional do DEM, ACM Neto. Na conversa, os dois adotaram um tom duro de críticas à postura do governo Bolsonaro na condução da pandemia do coronavírus.

ACM Neto, que no começo de fevereiro havia afirmado que não podia descartar que o DEM fosse com Bolsonaro em 2022, disse que o Brasil poderia estar hoje em outra situação se o governo tivesse deixado o “negacionismo de lado” e “assumido uma postura de respeito à ciência”. Mandetta, por sua vez, destacou que para cuidar da pandemia é preciso “ter coração e se importar com a vida das pessoas humildes”. Também criticou a indicação de uso de cloroquina e a omissão na compra de vacinas.

— Para discutir se menino veste azul e menina veste rosa, não precisa de líder. Precisa de líder quando tem um problema grande — disse o ex-ministro.

A movimentação de Mandetta inclui também conversas com outros nomes citados como possíveis candidatos em 2022. O ex-ministro da Saúde procurou recentemente o apresentador Luciano Huck para dizer que as portas do DEM não estão fechadas para ele. No último fim de semana, ele falou com o ex-ministro da Justiça Sergio Moro. Mandetta quer manter o diálogo para eventualmente agregar o ex-juiz a um projeto político conjunto na próxima eleição presidencial.

No plano acertado com o comando do DEM, ficou definido que Mandetta terá apoio logístico da legenda para viajar o país quando a pandemia arrefecer. Por enquanto, diante do quadro grave da doença, serão realizados eventos temáticos on-line. Mandetta não pretende se apresentar como pré-candidato neste primeiro momento

A interlocutores, o ex-ministro tem afirmado que o partido precisa encontrar o seu caminho para tomar uma decisão sobre o seu posicionamento na eleição presidencial de 2022. Mandetta avalia que o partido deve buscar uma plataforma com bandeiras liberais e de defesa da eficiência do Estado. Ao mesmo tempo, precisa se afastar das pautas de costumes defendidas pelo bolsonarismo. Nas conversas internas, o ex-ministro tem dito que se optasse pela saída do DEM, o partido cairia nos braços de Bolsonaro.

Entre líderes da sigla, o plano é dar visibilidade a Mandetta, já que ele é considerado um ativo e um quadro influente para uma eventual candidatura ao Planalto em 2022. Embora ele não aparece nas pesquisas como um dos favoritos, o ex-ministro figura bem nas pesquisas qualitativas e com uma imagem de credibilidade, principalmente no tema da pandemia, que tende a pautar o debate da próxima eleição.

O presidente do DEM, ACM Neto, faz elogios a Mandetta, mas nega que a candidatura dele esteja em pauta no momento.

— Mandetta é, sem dúvida, um quadro importante do DEM. Vai ter influência na construção do projeto futuro do partido. Nesse momento, não estamos tratando de eleição. Mas quando o assunto entrar em pauta, Mandetta vai ter um peso importante — afirmou Neto. — Ele se tornou uma referência pelo trabalho que fez (no Ministério da Saúde). O que ele pretende é dar uma contribuição de alguém que conhece o problema da pandemia e quer ajudar. Mas ele não vai explorar politicamente isso. Não passa na cabeça de ninguém tirar proveito político de pandemia.

Mandetta e ACM Neto fizeram as pazes em um encontro na semana passada, em Brasília, na casa do ex-deputado Pauderney Avelino. O ex-ministro havia rebatido a fala do presidente do DEM de que o partido poderia estar com Bolsonaro em 2022 e chegou a ameaçar trocar de legenda. Na ocasião, disse que a “base do partido virou uma geleia e daqui a pouco até Lula vai aparecer como cotado para receber o apoio” da sigla.

O ex-ministro da Saúde tem tentado ainda evitar que ex-presidente da Câmara Rodrigo Maia concretize o seu plano de deixar a legenda. Maia se sentiu traído pela postura de ACM Neto de liberar a bancada na eleição para a sua sucessão, o que facilitou o caminho para a vitória de Artur Lira (PP-AL).

O GLOBO

STTU deve ampliar frota em horários de pico na capital

A dona de casa Wilma Dantas, 39, perdeu o sogro para o coronavírus no ano passado e desde então tem evitado sair de casa, no bairro Felipe Camarão, zona Oeste de Natal. Porém, ficou apreensiva quando precisou sair para resolver alguns assuntos e se deparou com os ônibus lotados ao retornar pra casa, por volta das 17h, já que ficaria aglomerada dentro do veículo, vendo aumentar o risco de contrair a covid-19. A mesma situação no transporte público é vivenciada por milhares de usuários diariamente em horário de pico. Para mitigar o risco, a Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana de Natal (STTU) pretende implantar medidas para aumentar a disponibilidade de viagens.

A totalidade da frota não deverá ser adotada por enquanto. Em novembro passado, a Defensoria Pública do Estado do Rio Grande do Norte (DPE/RN) conseguiu, através de uma ação civil pública, que a Prefeitura do Natal restabelecesse em 100% a frota de ônibus e opcionais do transporte coletivo em circulação na capital. Contudo, o Sindicato das Empresas de Transportes Urbanos de Passageiros do Município do Natal (Seturn) se contrapôs solicitando a manutenção dos 70% e foi atendido pelo Tribunal de Justiça do Estado do Rio Grande do Norte (TJRN). A Defensoria recorreu, mas a ação ainda não foi analisada pelo tribunal.

“Está sendo difícil sair de casa. E quando saio fico assustada no ônibus porque a gente não sabe se volta com o vírus. Quanto mais gente junta, mais perigoso é”, declarou a dona de casa Wilma Dantas, antes de subir no ônibus da linha 63, que já se encontrava com todas as poltronas ocupadas na metade do percurso.

No documento “Rio Grande do Norte: uma nova onda”, redigido por pesquisadores do Laboratório de Inovação Tecnológica em Saúde (LAIS/UFRN) para analisar a situação recente do Estado, a situação do transporte foi uma das principais preocupações por ser visto como vetor de transmissão do vírus, tanto que o documento recomendou o retorno de 100% da frota de ônibus.

Confira matéria completa na Tribuna do Norte.