Bancada destina R$ 241,6 milhões em emendas para o Estado e Natal

A bancada federal decidiu acatar os pleitos da governadora Fátima Bezerra (PT) e do prefeito do Álvaro Dias (PSDB), quanto à destinação de duas emendas coletivas para o Estado e uma para o município de Natal, dentro das 15 a que tem direito os parlamentares, no valor total de R$ 241,46 milhões, por ocasião da deliberação da Lei Orçamentária Anual (LOA) da União de 2021, na Comissão Mista de Orçamentos (CMO) do Congresso Nacional.

O coordenador da bancada, deputado federal Benes Leocádio (Republicanos), disse que “por unanimidade dos presentes”, definiu-se enviar recursos para as áreas e obras sugeridas pelo Governo do Estado: “É o caso da saúde, que considerando, sobretudo, a situação da calamidade e enfrentamento da pandemia, acordamos em destinar duas emendas, uma para custeio e manutenção de hospitais e UTI’s e outra para aquisição de vacinas, caso a União não consiga disponibilizar e o Estado seja autorizado a fazer a compra”.

“Também ficou pactuado, se não for possível o Governo do RN fazer aquisição de vacinas, que a bancada rediscutirá a destinação da emenda para esse fim,” explicou o deputado Benes Leocádio, o qual acrescentou que a prefeitura de Natal também será contemplada na área da saúde, com recursos para a construção do Hospital Municipal, obra que foi sinalizada pelo prefeito Álvaro Dias como prioridade para a cidade durante reunião em Natal com a bancada federal.

Outro ponto de consenso foi o envio de emenda para a conclusão das obras da Barragem de Oiticica. O restante das emendas serão indicadas individualmente pelos parlamentares, que podem atender qualquer ente potiguar ou instituição do Rio Grande do Norte, que correspondem a R$ 16 milhões por cada parlamentar.

Com relação à construção da barragem de Oiticica, o governo federal já garantiu no orçamento do Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR), do qual é titular o potiguar Rogério Marinho, cerca de R$ 21,5 milhões este ano. governo federal já garantiu no orçamento, independentemente de emendas parlamentares, cerca de R$ 16,4 milhões para obras no Gancho de Igapó e R$ 18 milhões para duplicação da Reta Tabajara, na BR-304, em Macaíba.

Da reunião de ontem em Brasília, só não compareceu a deputada federal Natália Bonavides (PT), que ficou no Estado, tendo ido à tarde visitar o prefeito de Macaíba, Emídio Júnior (PL), e o secretário municipal de Agricultura, Cícero Militão, Secretário Municipal de Agricultura, Cícero Militão. “Estivemos na Secretaria para conversar com movimentos sociais da cidade, inclusive, nossos parceiros do MST. A emenda para aquisição da retroescavadeira será de grande importância para a agricultura”, disse ela, nas redes sociais.

O deputado federal Walter Alves (MDB) participou da reunião da bancada em Brasilia e informou no Twitter, que recebeu diversos prefeitos que estavam em peregrinação atrás de emendas para seus municípios, casos dos prefeitos de Major Sales, Maria Elce, e o ex-prefeito Tales Fernandes; prefeito de Luís Gomes, Tututa, e o ex-prefeito Dr. Pio X.

“Também conversamos com o prefeito de Lajes, Felipe Menezes, participamos de reuniões com prefeitos do Rio Grande do Norte para discutir projetos e recursos para os municípios”, disse Alves, que ainda atendeu desde a terça-feira (23), os prefeitos Rogério Couro Fino, de Jardim de Piranhas; Sael Melo, de Porto do Mangue; Iogo Queiroz, de Jucurutu; Bibi de Nenca, de Campo Grande e Júnior Marques, de Bento Fernandes.

TRIBUNA DO NORTE

Deixe uma resposta

Open chat