Missão 5G chefiada pelo ministro Fábio Faria chega a Suécia

O ministro das Comunicações, Fábio Faria, desembarcou hoje na Suécia, sede da gigante das telecomunicações Ericsson, onde vai tratar sobre tecnologia 5G. O objetivo é conhecer modelos internacionais para aprimorar o desenvolvimento do que será implantado no Brasil, com leilão previsto para este ano. A missão internacional do Governo brasileiro para tratar de Telecomunicações inclui também a China, Finlândia, Coreia do Sul e Japão, até o dia 13 de fevereiro.

Segundo o ministro, a implantação e operação dessa nova rede deve ser realizada por quem promova a maior eficiência no que diz respeito à técnica e preço, além do cumprimento dos pré-requisitos de segurança e confiabilidade. “Nós colocaremos vários pontos importantes que são as obrigações que queremos no leilão do 5G. No edital do leilão estarão previstas obrigações como a que os interessados em participar façam investimentos para ampliar o acesso à internet no país. Por exemplo: o Norte e Nordeste conectados, a construção da rede privativa, 4G para todas as localidades acima de 600 habitantes, fibra óptica nos locais sem acesso”, destacou Fábio Faria.

Três ministros do Tribunal de Contas da União, Bruno Dantas, Vital do Rego e Walton Alencar, e mais o secretário Especial para Assuntos Estratégicos do Governo Federal, Flávio Rocha, também embarcaram com o ministro das Comunicações. O TCU é que vai analisar o edital do leilão do 5G depois do documento ter sido aprovado pela Anatel, cuja previsão é 24 de fevereiro. O TCU tem 150 dias para se posicionar sobre o assunto, mas promete dar um parecer em apenas 60 dias. O ministro Fábio Faria considera possível realizar o leilão ainda no primeiro semestre e a nova tecnologia já estar disponível no país no ano que vem.

Deixe uma resposta

Open chat