Dia: 12 de junho de 2020

BASTIDORES DA POLÍTICA: Sai Kerginaldo pai e entra Kerginaldo filho na disputa

A imagem pode conter: 2 pessoas, close-up

De acordo com informações do Blog do Carlos Notícias o município de Senador Elói de Souza poderá ter modificação na chapa encabeçada pelo ex-prefeito Kerginaldo Medeiros. A modificação é a saída do ex-prefeito da chapa, na qual será encabeçada pelo seu filho o ex-vereador, Kerginaldo Júnior.

Segundo o ex-chefe do Executivo de Elói de Souza que conversou com o Carlos, o motivo maior da sua desistência é a sua saúde abalada psicologicamente pela pandemia.

Como sempre dizemos: “Vamos aguardar os acontecimentos dos fatos”.

Governo pactua com gestores da 5ª e 6ª Regionais de Saúde ação conjunta; Gestores de São Paulo do Potengi, São Tomé, Santa Maria, São Pedro e Serra Caiada participaram da reunião

Na última quarta-feira, 10, a governadora Fátima Bezerra se reuniu em videoconferência com prefeitos e secretários das regiões do Trairí, na parte da manhã, e do Alto Oeste, na parte da tarde, que compõem a 5ª e a 6ª Regionais da Saúde Pública respectivamente. O objetivo foi discutir sobre o Pacto pela Vida, que está sendo colocado em prática em todos os municípios do Rio Grande do Norte. A ação foi criada no sentido de conscientizar a população potiguar sobre a necessidade de cumprimento do isolamento social, além das outras determinações dos decretos estaduais editados para conter o avanço do novo coronavírus (Covid-19).

Com as reuniões de hoje, o Governo encerra o ciclo de encontros com os gestores do executivo municipal das oito regionais de saúde, que abarcam os 167 municípios do Estado. “Hoje é um dia muito importante. Com as reuniões que fizemos hoje concluímos o processo de articulação que estamos fazendo desde da quinta passada em defesa do Pacto pela Vida”, disse Fátima Bezerra.

Foram convidados todos os 21 prefeitos da região do Trairí, que tem Santa Cruz como cidade polo, e os 37 prefeitos do Alto Oeste, sendo Pau dos Ferros a cidade polo. Os participantes reiteraram o compromisso de ampliarem as ações preventivas e de combate à pandemia da Covid-19. “Fico feliz por saber que vocês estão tomando medidas mais duras. Quanto mais rápido nos preocuparmos em tomar essas atitudes mais rígidas, mais rápido vamos sair dessa pandemia para retomar as nossas atividades profissionais, pessoais, educacionais e religiosas”, destacou a governadora.

Ela reafirmou que o Pacto foi pensando única e exclusivamente para poupar vidas, na medida em que contém o avanço da propagação do vírus que já levou mais de 400 pessoas a óbito no Estado. “Cada pessoa dessa representa uma dor, uma história, uma família. Peço a Deus que conforte as famílias que estão em luto. Infelizmente, não pudemos atender com a mesma velocidade da pandemia a abertura de leitos. Porém, mesmo em meio a um contexto catastrófico, conseguimos abrir mais de 300 leitos”, declarou.

UNIÃO PARA SALVAR VIDAS

O vice-governador Antenor Roberto e os secretários Cipriano Maia (Saúde), Petrônio Spinelli (Adjunto da Saúde), Fernando Mineiro (Gestão de Metas e Projetos, e coordenador do Pacto pela Vida) e o Cel. Francisco Araújo (Segurança Pública) participaram da reunião e apresentaram suas considerações e se colocaram à disposição dos prefeitos para quaisquer dúvidas ou necessidades.

“A coordenação das medidas de contenção deve ser do Estado, de acordo com a decisão do STF, e os municípios podem recrudescer, e não o contrário. Fizemos o último decreto levando em conta esse Pacto pela Vida. Avançamos em situações estruturais, como as festas juninas, que estão suspensas, e conseguimos avançar na antecipação do feriado dos mártires”, disse Antenor.

Fernando Mineiro mais uma vez deixou claro, nessas reuniões com prefeitos do RN, que a ação é para ampliar o diálogo e a união entre os municípios para a contenção da pandemia. “Criamos um Pacto sem protocolo em cada videoconferência nós nos demos conta de que o caminho era esse, de união e trabalho em prol da nossa população”, reforçou.

O prefeito de São Paulo do Potengi e presidente da Femurn (Federação dos Municípios do RN), José Leonardo Cassimiro de Araújo, o Naldinho, informou que após decretar o lockdown em sua cidade, o isolamento passou de 33% para 48%. “Fechamos as entradas para a cidade, que são cerca de 15 e deixamos apenas 1”, exemplificou. Na região do Trairi, outras ações importantes foram tomadas logo no início da pandemia, como em Serra Caiada, polo de turismo radical cujo acesso à serra foi fechado e em Tangará, um dos primeiros municípios a fechar a feira pública.

Participaram da reunião, na parte da manhã, além dos gestores citados, os prefeitos de Campo Redondo, Alessandru Emmanuel Pinheiro Alves; de Japi, Jodoval Ferreira de Pontes; de São José de Campestre, Joseilson Borges da Costa; e de Tangará, Jorge Eduardo de Carvalho Bezerra. De São Tomé, estavam presentes as secretárias Tereza Cristina (Administração) e Elisa Macedo (Saúde); de Santa Maria, os secretários Bruno (Finanças) e Oziel (Saúde). São Pedro e Serra Caiada também enviaram representantes.

Na parte da tarde, participaram os prefeitos de Antônio Martins, Jorge Vinicius, Doutor Severiano, Francisco Neri, de Frutuoso Gomes, Jandiara Cavalcante, de João Dias, Nadja Tássia, Luis Gomes, Mariana Fernandes, de Lucrécia, Conceição Duarte, de Rafael Godeiro, Ludmila Rosado, de Riacho da Cruz, Maria Bernadete Rêgo, de Riacho de Santana, Jessé de Freitas, de Rodolfo Fernandes, Francisco Wilson Rego Filho, de Pilões, Cícero Sabino, de Pau dos Ferros, Leonardo Rêgo, de Patu, Rivelino Câmara, de Olho D´Água dos Borges, Maria Helena de Queiroga, de Portalegre, Manoel Freitas, de Coronel João Pessoa, Antônio Lopes Filho, de Itau, Ciro Alves Bezerra, Rafael Fernandes, de Tenente Ananias, Larissa Cunha Rocha, Rafael Godeiro, Ludmila Rosado e de Rodolfo Fernandes, Francisco Wilson Rego Filho. Os municípios de Coronel João Pessoa, Encanto, Major Sales, Marcelino Vieira, Martins, Rafael Fernandes, Severiano Melo, Venha Ver, Viçosa, Serrinha dos Pintos e Taboleiro Grande enviaram representantes.

Governo adianta pagamento de junho neste sábado (13)

O Governo do Estado inicia o pagamento salarial dos servidores do mês de junho neste sábado (13), apesar das sucessivas quedas de arrecadação, seja por diminuição dos repasses federais, seja decorrente dos efeitos da pandemia na economia. Um adiantamento de salário com depósito de mais de R$ 240 milhões.

O salário integral amanhece na conta aos servidores ativos, inativos e pensionistas que recebem até R$ 4 mil (valor bruto) e ainda 30% para quem recebe acima desse valor. A categoria da Segurança Pública também recebe o valor integral, independentemente da faixa salarial.

Os 70% restantes para quem recebe acima de R$ 4 mil, além do salário integral dos servidores lotados em órgãos com recursos próprios, serão depositados dia 30, ainda dentro do mês trabalhado. Dessa forma, o Governo quita mais uma folha e mantém o calendário de pagamento acordado no início do ano.

“Mesmo diante da grave crise financeira, os investimentos em saúde para enfrentamento da pandemia e o salário dos servidores continuam sendo as duas principais prioridades do Governo nesse momento”, destacou o secretário estadual de Planejamento e das Finanças, Aldemir Freire.

COVID-19: PM realiza Operação Pacto pela Vida em Santa Maria/RN

 

Nesta quinta-feira (11), a Polícia Militar do RN em conjunto Secretaria Municipal de Saúde participou de mais uma ação da “Operação Pacto Pela Vida” na cidade de Santa Maria, conscientizando os cidadãos acerca da importância do isolamento social e da obediência aos Decretos Estaduais e Municipais no combate à Covid-19.

Na ocasião, foi realizada uma fiscalização na área comercial do município averiguando o cumprimento dos decretos e patrulhamento na área inibindo o funcionamento irregular de bares e dispersando aglomerações.

A Operação Pacto Pela Vida foi decretada pelo Governo do Estado do Rio Grande do Norte em parceria com os municípios e executada através de seus órgãos de segurança pública, com o intuito de diminuir os índices de infectados e de mortes pelo novo Coronavírus no Estado.

A Polícia Militar lembra que há diversos crimes que podem ser autuados aqueles que desobedecerem a determinação do Poder Público quanto ao isolamento, entre eles encontra-se o previsto no art. 268 do Código Penal, que estabelece a detenção de um mês a um ano, e multa.

Open chat