Ministro contesta previsões e diz que RN vai receber R$ 423 milhões com cessão onerosa

Sandro Menezes / Governo do RN

O ministro-chefe da Secretaria de Governo da Presidência da República, Luiz Eduardo Ramos, disse nesta quinta-feira, 7, durante visita a Natal, que o Governo do Rio Grande do Norte deverá receber R$ 423 milhões do megaleilão de petróleo realizado ontem. O valor é quase o triplo do que esperava a governadora Fátima Bezerra, já que as previsões do governo apontavam para um repasse de cerca de R$ 160 milhões.

O secretário de Planejamento e Finanças, Aldemir Freire, admitiu que o governo estadual foi surpreendido positivamente com a notícia. “Recebemos a notícia com uma surpresa muito grande. Não sabíamos de nada disso. Por enquanto, é um anúncio verbal, não recebemos nenhum comunicado por escrito. Não sabemos como o governo vai proceder para garantir esses recursos. Estamos tão surpresos quanto vocês”, disse a jornalistas após sair de uma reunião com o ministro.

A verba a ser repassada ao Rio Grande do Norte é proveniente do leilão da fatia excedente da chamada cessão onerosa do pré-sal. Na negociação, o governo federal faturou R$ 69,9 bilhões. Parte desses recursos serão divididos com estados e municípios. O governo Fátima Bezerra chegou à previsão de R$ 160 milhões ao considerar regras de partilha aprovadas pelo Congresso Nacional.

Agora RN

Deixe uma resposta