Decreto governamental pode gerar R$ 80 mi de prejuízo aos municípios do RN

Decreto governamental pode gerar R$ 80 mi de prejuízo aos municípios do RN

Pelas contas do presidente da Federação dos municípios do RN, José Leonardo Cassimiro, o Naldinho, as perdas para os municípios com o decreto de criação do Proedi podem representar um prejuízo de R$ 60 a R$ 80 milhões por ano aos municípios potiguares.

Diante desta possibilidade, pelo menos 80 prefeitos participaram de protesto na frente da Governadoria. Segundo Naldinho, o decreto do Proedi (assinado no último dia 29 de julho), concede isenção de até 95% para empresas que se instalarem ou se mantenham empregando mão de obra no RN.

A alegação deles é que, sem combinar com os municípios, o recém criado Proedi, que substituiu o antigo Proadi, que renunciava até 75 por cento do ICMS das empresas, ao conceder até 95 por cento de renúncia fiscal, entrou nos 25 por cento reservados aos municípios.

Portal Grande Ponto

Deixe uma resposta