A Justiça determinou a quebra do sigilo bancário da empresa Brasil de Todos Comunicação Ltda contratada para fazer a campanha de Fátima Bezerra para a disputa pelo Governo do Estado, nas eleições do ano passado.

A decisão atende a um pedido da Procuradoria Regional Eleitoral, que investiga a suspeita de captação e gastos ilíticos de recursos eleitorais.

Vale lembrar que a empresa Brasil de Todos Comunicação foi aberta em 21 de agosto de 2018, três dias antes da emissão do primeiro documento fiscal para a campanha de Fátima Bezerra no valor de R$ 350 mil e que o próprio Ministério Publico já havia encontrado indícios de irregularidades.

Os sócios da empresa, Camilo Nóbrega Toscano e Roberto de Souza Campos Cosso, também tiveram os sigilos quebrados pela decisão judicial.

BG