Dia: 1 de março de 2019

Possivelmente teremos o PROERD em São Paulo do Potengi

Em conversa com este Blogueiro na manhã desta sexta-feira, 01, a nova Sargento e comandante do Pelotão de Polícia Militar de São Paulo do Potengi, Marivânia, nos falou que possivelmente nossa cidade contará com o Programa Educacional de Resistência às Drogas (PROERD).

“Como será um projeto piloto iremos começar com a Educação Infantil e com o 5° ano, posteriormente a gente vai abranger outras séries, curso de pais e curso de professores. Mas a gente esta com este projeto bem encaminhado, a gente tem que começar com as nossas crianças de cedo. Prevenir a questão do uso de drogas e álcool, sabemos que é bem prejudicial a saúde e a convivência familiar”, disse a Sargento.

PROERD

É um programa de caráter social e preventivo posto em prática em todos os estados do Brasil, por policiais militares devidamente selecionados e capacitados. É desenvolvido uma vez por semana em sala de aula, durante quatro meses em média, nas escolas de ensino público e privado para os alunos que estejam cursando quinto ou sétimo anos do ensino fundamental.

Cerca de 35 policiais farão a segurança do carnaval em São Paulo do Potengi

Comandante do Pelotão da Polícia Militar de São Paulo do Potengi, Sargento Marivânia, em entrevista a nossa redação nos falou que cerca de 35 Policiais por dia, tanto de nossa cidade como também de Natal, farão a segurança do Carnaval de Todos em nosso município durante 24h.

“Estamos com policiais tanto de São Paulo do Potengi, de Natal e da região. O pessoal já esta ciente de todas as suas atribuições. Teremos também segurança privada dentro do evento, como também a parte do socorro médico. Vamos ter segurança durante os 4 dias de evento, mas precisamente na segunda-feira que é quando teremos uma grande quantidade de foliões”, disse Marivânia.

PRF inicia Operação Carnaval 2019 em todos os estados

Foto: Marcello Casal jr/Agência Brasil

Agentes da Polícia Rodoviária Federal (PRF) intensificaram a fiscalização e monitoramento de estradas em todos os estados, desde a 0h desta sexta-feira (1º), quando começou a Operação Carnaval 2019. As ações que continuam até as 23h59 de Quarta-feira de Cinzas (6), vão se concentrar, principalmente, em pontos estratégicos definidos pela instituição e em estradas regionais dos estados de Minas Gerais, Paraná, Santa Catarina e Bahia.

Em nota, a PRF explicou que levantamentos sobre o período carnavalesco apontam que esses estados concentraram quase 30% do total de acidentes de natureza grave nos carnavais dos últimos cinco anos. No caso das rodovias do Rio de Janeiro, policiais atuarão com o apoio da Força Nacional.

“A festa carnavalesca, tradicionalmente um momento de celebração e alegria por grande parte do povo brasileiro, também é reconhecidamente um período em que os riscos nas nossas rodovias se tornam maiores. Em parte, pelo aumento considerável no número de veículos transitando pelas estradas, mas também e principalmente, pelo lamentável hábito que boa parte de nossos motoristas ainda conserva: dirigir após consumir bebidas alcoólicas”, destacou a assessoria da PRF.

A estratégia desenhada pela instituição inclui a redução do fluxo dos veículos de carga e reforço de ações de policiamento preventivo em locais e horários de maior incidência de acidentes graves e de criminalidade. Todo o efetivo foi mobilizado para atuar no período em atividades operacionais e administrativas ao longo dos mais de 70 mil quilômetros de estradas do país.

Pelo menos 600 motociclistas e mais de duas mil viaturas para a operação atuarão na Operação Carnaval. Os policiais também receberam equipamentos como radares e mais de 1,5 mil bafômetros.

Agência Brasil