Dia: 19 de outubro de 2018

Potengiense que foi protagonista no comercial do SBP gravou para o Caldeirão do Huck

A potengiense Elisa Alves, enfermeira, que foi uma das protagonistas no comercial do SBP gravado em São Paulo do Potengi, foi ao Caldeirão do Huck, no Projac (Estúdios da Globo) no Rio de Janeiro, ontem (18), onde gravou vídeo ao lado de Luciano Huck.

Elisa tem uma doença autoimune (que produz reação imunológica contra seu próprio corpo), e ela conta isso na propaganda do SBP que é exibida há um ano em rede nacional em várias emissoras. Na sua participação no programa Caldeirão do Huck ela vai contar um pouco dessa sua história.

Segundo informações, o programa em que a potengiense vai aparecer vai ao ar em dezembro.

SPP NEWS

Projeto de autoria do vereador Neilson Azevedo é aprovado por unanimidade de votos

A imagem pode conter: 1 pessoa, sentado

Foi aprovado por unanimidade de votos o projeto de Lei de autoria do Vereador Neilson Azevedo (MDB), na sessão plenária desta quinta-feira, 18, o Projeto de Lei N° 002/2018 que autoriza o Poder Executivo Municipal proceder com a concessão de transporte escolar integral a estudantes universitários e de cursos técnicos profissionalizantes e dá outras providências.

“É uma luta nossa que a muito tempo víamos construindo, durante estes 4 próximos anos o Poder Executivo está autorizado a conceder essa gratuidade para os nossos estudantes universitários, que muitos saem de suas casas diariamente para conseguir um futuro melhor. Agradecemos a todos os vereadores que foram a favor desta aprovação”, enfatizou Neilson.

Na Tribuna Livre, Neilson comentou sobre as emendas impositivas de 2018/2019. Os vereadores Neilson, Diogo Alves, Jales Azevedo e Getúlio Antunes destinaram as emendas para a construção de uma pista de Skate no município. “Solicitamos em conjunto essa construção da pista de Skate para os nossos jovens. Sabemos que os que praticam esse esporte, na maioria das vezes ocupam calçadas. O valor da emenda é de R$ 92mil reais. A solicitação da pista de Skate foi através de um grupo de Skatistas que nos procurou”, disse Neilson.

Ainda no uso da palavra, falando ainda das emendas impositivas, Neilson falou sobre os 50% restante das emendas. “Em conjunto com todos os vereadores, destinamos os outros 50% para a saúde, para as Unidades Básica de Saúde (UBS) e também para aparelhagem da Policlínica Dr° Raimundo Dagmar Fernandes. Essa emenda será destinada para compras de equipamentos para realização de exames”.

Na ocasião, Neilson falou sobre a visita a Feira do Boi junto com a caravana de Produtores Rurais e estudantes do curso de Técnico de Agronegócio da rede E-tec/SENAR na manhã desta quarta-feira, 17. Na oportunidade, os alunos e os produtores rurais visitaram os Standards e participaram de palestras oferecido pelo sistema FAERN/SENAR.

Hermano registra dia do Médico e repercute assuntos de interesse do RN

O deputado Hermano Morais (MDB) se pronunciou na sessão desta quinta-feira (18), no plenário da Assembleia Legislativa, sobre assuntos que estão em pauta na imprensa desde o dia anterior. Temas como a reedição do decreto de emergência, o aumento dos índices de pobreza e o déficit financeiro do Estado. Hermano também fez referência ao Dia do Médico, neste 18 de outubro.

“Quero homenagear e prestar solidariedade à toda classe médica e reconhecer que muitas vezes eles trabalham em condições precárias e adversas”, disse Hermano, adiantando que, por proposição do presidente da Casa, deputado Ezequiel Ferreira de Souza, a Assembleia promoverá uma Sessão Solene nos próximos dias para homenagear a categoria.

Hermano Morais considerou “preocupante” a situação de seca que perdura no Rio Grande do Norte há vários anos, e repercutiu a reedição do decreto de emergência, pelo Governo do Estado. O parlamentar citou o açude Gargalheiras, no município de Acari, que está completamente seco. “Esperamos que no próximo ano tenhamos um inverno regular”, disse Hermano, aproveitando para relembrar o projeto de adutoras instituído no Governo do agora senador Garibaldi Filho, “que está finalizando seu mandato de senador”.

Sobre o aumento dos índices de extrema pobreza no Rio Grande do Norte, que cresceram 35% nos últimos 4 anos, Hermano acenou para dificuldades que o próximo gestor do Estado deverá ter. Lembrando que o mesmo terá a “difícil tarefa” de recuperar as finanças públicas. “E o déficit financeiro só não é maior porque o atual Governo reduziu as despesas com pessoal de 53% para 47%, o que tenho que reconhecer o mérito da gestão”, encerrou Hermano Morais.

Benes Leocádio avalia o resultado das eleições: renovação com ação eficiente

Com humildade e focado no mandato que se inicia em fevereiro, Benes Leocádio, eleito deputado federal mais votado, agradeceu a Deus e ao povo do Rio Grande do Norte pelos 125.841 votos, pela votação em 166 municípios e explicou que o eleitor está cada vez mais exigente, ou seja, “a partir de agora quem não der resultado, estará fora da disputa política”.

Ex-prefeito do município de Lajes, localizado na região central do Estado, Benes Leocádio também é vítima da violência – seu filho mais novo foi assassinado em uma perseguição policial após um ter sofrido um sequestro – e por isso ele sabe que o povo quer segurança. No entanto, da maneira que a segurança pública é tratada hoje, pouca coisa vai mudar.

Diante deste quadro, Benes Leocádio pretende unir uma bancada municipalista com a finalidade de elaborar projetos de lei que beneficiem os municípios diretamente. “É preciso entender que tudo acontece na cidade. Sendo assim, os municípios precisam de mais recursos”, disse. Para ele, o imposto ao usar o cartão de crédito ou débito deveria ficar no município. “Isso é algo que dá para fazer”, acrescenta.

Quando questionado sobre em que votará no segundo turno para presidente e governador durante o programa Cidade Agora, apresentado pelo jornalista Alex Viana, na 94FM, Benns Leocádio saiu pela tangente e disse que o partido ainda não decidiu, mas deve optar pela independência. Ele destacou que o PTC não atingiu a cláusula de barreira e deve se fundir a outro partido.

Para Benes Leocádio, uma profunda mudança no pacto federativo precisa ser feita no país, para que haja mais políticas definidas, ao invés de apenas de transferência de responsabilidade para os municípios, que estão sobrecarregados e, muitas vezes, despreparados para as atribuições até mesmo por falta de recursos.

Agora RN

Presidente do PSL diz que Bolsonaro não participará de nenhum debate do 2º turno

O presidente do PSL, Gustavo Bebianno, disse nesta quinta-feira, 18, que Jair Bolsonaro não participará de nenhum debate do 2º turno. Ele disse em coletiva de imprensa que o estado de saúde do candidato é de “absoluto desconforto” e que não deve ser submetido a “uma situação de alto estresse, sem nenhum motivo”.

“Como não há controle, aquela bolsinha (colostomia) pode encher, estourar”, afirmou Bebianno. “O seu estado de saúde é ainda de absoluto desconforto. (Não vamos) submetê-lo a uma situação de alto estresse, sem nenhum motivo.”

Mais cedo, médicos divulgaram um boletim em que destavam a “melhora da composição corpórea, mas ainda exigindo suporte nutricional e fisioterapia”. O Estado apurou que a decisão de participar ou não dos debates já estaria nas maõs do próprio candidato.

Bebianno chamou o petista Fernando Haddad (PT) de “poste” e disse que a ausência de Bolsonaro nos debates não deve prejudicá-lo. “Seria discutir com um poste, como já disse o candidato, quem discute com um poste é bêbado. A decisão (de não participar) não é ruim porque o eleitor já conhece Bolsonaro. O contato que ele estabelece é diretamente com o eleitor. Os eleitores já sabem em quem vão votar.”

Antes da coletiva, Bebianno disse ao Estado que Haddad se mostrou “desesperado” ao dizer que entrará com medidas judiciais contra uma denúncia de que a campanha de Bolsonaro teria incentivado empresários a disseminar mensagens contra o PT nas redes sociais. Ele classificou como “piada” e “uma palhaçada” a atitude de Haddad, que poderá ser seguida pelo candidato derrotado no segundo turno, Ciro Gomes (PDT).

“Isso é sinal do desespero. Estão tentando criar um fato político qualquer. Quem entende de caixa 2, de dinheiro roubado, de assaltar os cofres públicos para fins pessoais e partidários é o PT”, disse Bebianno ao Estado. Bebianno acrescentou que também tomará medidas judiciais contra Haddad e Ciro por denúncia caluniosa. “O senhor Haddad, como suposto advogado, deveria saber que denúncia caluniosa é crime e idem para o senhor Ciro Gomes. Ambos responderão pelos seus atos, pelas suas declarações. Se eles estão acusando, vão ter que provar”, afirmou.

Bebianno classificou como “piada” a situação. “Chega a ser engraçado porque, de um lado, você tem uma facção criminosa chamada Partido dos Trabalhadores travestida de partido político, acusando os outros daquilo que eles mesmo fazem. O PSL e a campanha do presidente Jair Bolsonaro e ele, como pessoa física, nunca houve nenhum acerto, nenhum pedido. Pelo contrário, ao longo da campanha, muitos empresários ofereceram recursos sim, por pessoas de bem, preocupadas com o Brasil, nós não nunca aceitamos”, disse.

ESTADÃO CONTEÚDO

Gustavo Carvalho anuncia apoio a Carlos Eduardo

Segundo mais votado nas eleições 2018 com 47.544 votos, o deputado estadual reeleito Gustavo Carvalho(PSDB) anunciou no final da tarde desta quinta-feira(18/10), seu apoio à candidatura do ex-prefeito de Natal, Carlos Eduardo(PDT) a governador.

Em reunião no bairro de Mirassol, em Natal, Gustavo Carvalho reuniu o seu grupo político para se integrar na campanha de Carlos Eduardo. São oito prefeitos: Maria Olímpia(Paraú), Carlinho de Veri(Parazinho), Rosano Taveira(Parnamirim), Francisco Felipe(Tiquinho), de Ruy Barbosa, Anteomar Pereira(Babá), de São Tomé, Jorginho Bezerra(Tangará), Larissa Rocha(Tenente Ananias) e Maurício Filho, o Mauricinho(Grossos).

POLÍTICA EM FOCO