Dia: 26 de julho de 2018

Kadu Ciarlini: “Testado e aprovado em Natal, Carlos Eduardo será grande governador”

Em seu primeiro compromisso após a indicação à pré-candidatura a vice-governador, o publicitário Kadu Ciarlini(PP), afirmou em Lagoa Nova, a cerca de 200 km de Natal, que o ex-prefeito de Natal Carlos Eduardo “foi testado e aprovado quatro vezes como administrador e será um governador capaz de fazer um trabalho competente ao contrário do desastre do atual governo”.

Kadu Ciarlini fez duras críticas à atual gestão do Estado, “incompetente, sem compromisso com as pessoas é desastrosa em todos os aspectos”.

Para o pré-candidato a vice-governador, “Carlos Eduardo tem coragem e capacidade para devolver orgulho ao Rio Grande do Norte, hoje humilhado pelo governo que aí está”.

Beto Rosado afirma que vice de Carlos Eduardo não está 100% definido

O deputado federal e pré-candidato à reeleição Beto Rosado (PP) não acredita que o fato de Carlos Eduardo Alves (PDT) ser pouco conhecido no interior do Rio Grande do Norte vá prejudicar sua eleição para o Governo do Estado. Segundo o parlamentar, o bom uso da tecnologia e das redes sociais poderá tornar o ex-prefeito de Natal conhecido em todo o Estado, mesmo que a campanha seja realizada em apenas 45 dias.

De acordo com Beto Rosado, a “força” no interior de partidos aliados, como DEM, MDB, Podemos e PP, também pode garantir importante penetração nos municípios onde Carlos Eduardo ainda não teve atuação política.

Nesta entrevista ao Agora RN, o deputado federal – que é uma das principais lideranças do PP no Estado, sendo presidente do diretório de Mossoró – diz ainda que a prioridade da legenda para as eleições deste ano é a manutenção do mandato ocupado por ele na Câmara Federal. Por isso a escolha por aliança com a chapa de Carlos Eduardo, que, segundo Beto, oferece condições mais favoráveis para a sua reeleição.

Em relação à formação da chapa majoritária, Beto Rosado registra que é bastante provável que o publicitário Kadu Ciarlini, filho da prefeita de Mossoró, Rosalba Ciarlini, seja candidato a vice-governador, como uma indicação do PP. No entanto, segundo ele, isso é algo que “ainda não está totalmente definido”.

Agora RN

Vereador Preto Aquino retira sua pré-candidatura ao Senado

Leia íntegra:

Agradeço a todos que acreditaram e me apoiaram na minha pré candidatura ao Senado, quero deixar um sincero abraço e dizer que nesse momento, juntamente com minha família, amigos e toda minha base do mandato, refletimos sobre o inusitado cenário criado, e a partir dessa análise resolvi retirar minha pré candidatura ao Senado pelo RN. Prefiro retirar porque não aceito situações dentro da coligação. O momento agora será de serenidade e reflexão. Ressalto ainda que continuarei o meu trabalho e exercer o meu mandato de vereador em favor de uma Natal cada vez melhor!

At.,
Vereador Preto Aquino

Em reunião com trabalhadores, Rogério Marinho destaca benefícios da nova lei

O deputado federal Rogério Marinho (PSDB) dedicou a quarta-feira (25) a reuniões com trabalhadores. O primeiro encontro foi em Natal no início da manhã, com funcionários da empresa Comjol. Já no fim da tarde foi a vez dos colaboradores da Aqua Coco, em Maxaranguape. Nas duas oportunidades o parlamentar aproveitou para esclarecer dúvidas em torno da modernização das leis trabalhistas, da qual foi relator na Câmara.

Questionado pelos trabalhadores sobre o imposto sindical, Rogério Marinho explicou que, desde a entrada em vigor da nova legislação, o pagamento do “tributo” passou a ser opcional, precisando da autorização de cada funcionário. “O trabalhador precisa comunicar a diretoria da empresa se deseja pagar o imposto ao sindicato que representa a sua categoria. Isso é liberdade para quem trabalha”, disse o deputado.

Ainda de acordo com o parlamentar, a nova lei em vigor desde o fim de 2017 tem diversos benefícios para o trabalhador. Entre eles, a possibilidade de reduzir seu horário de almoço e, com isso, sair mais cedo no término do expediente, por exemplo; de chegar mais tarde ou sair mais cedo do trabalho e de compensar as horas nos dias seguintes – antes, essas horas eram descontadas do salário. A nova lei permite dividir as férias em até três períodos, ou de trabalhar em casa, com a regulamentação do teletrabalho. Nos casos em que os trabalhadores sejam contratados sem carteira assinada, a modernização da lei aumentou a multa para o empregador.

Também nesta quarta, o deputado Rogério Marinho se reuniu com membros do Sindipostos (Sindicato do Comércio Varejista de Derivados de Petróleo do RN), mais uma oportunidade para destacar os avanços obtidos com a nova lei.