Mês: julho 2018

Neto Mafra anuncia apoio ao projeto de reeleição do governador

A aliança firmada entre PSD e PSDB ganha força e se ramifica por todo o Rio Grande do Norte. Nesta terça, o presidente estadual do PSD, governador Robinson Faria reuniu-se com o presidente estadual do PSDB, deputado Ezequiel Ferreira de Souza, para receber o apoio de diversos prefeitos da legenda aliada.

Anunciou apoio ao projeto de reeleição do governador o prefeito de Barcelona, Neto Mafra (PSDB), os vereadores da legenda naquele município – Cristina de Natelmo e Léo de Abdias – e o secretário municipal de Agricultura de Barcelona, Natelmo Maurício. “Estamos todos nos somando em favor de Robinson”, afirmou o prefeito.

II Encontro de Blogueiros no Potengi acontecerá dia 25 de agosto em São Paulo do Potengi

Com a realização do Blog do Lucas Tavares, Diário do Potengi, Blog do Silvério Alves, RN Notícias e Blog do Potengi, no dia 25 de Agosto, sábado, na Câmara Municipal de São Paulo do Potengi/RN, acontecerá o II ENCONTRO DE BLOGUEIRO NO POTENGI.

O evento contará com os seguintes palestrantes: Anna Ruth Dantas, Jornalista, Pós-graduanda em Mídias Sociais, com diversos cursos na área de Assessoria de Comunicação e redes sociais, correspondente da Agência O Estado e apresentadora do programa RN Acontece, da Band Natal.

Cristiano Barros, Advogado, Especialista em Direito Eleitoral, Sócio Fundador e Presidente do Instituto Potiguar de Direito Eleitoral e Membro da Comissão de Direito Eleitoral da OAB/RN.

Para participar do evento, basta clicar no link e fazer sua inscrição: https://www.sympla.com.br/ii-encontro-de-blogueiros-no-potengi__319001

Ex-governador Fernando Freire e Wilson Chacon são condenados por crime de peculato

O juiz Bruno Montenegro, integrante do Grupo de Apoio a Meta 4 do CNJ, condenou o ex-governador Fernando Freire, a uma pena de 13 anos e sete meses, por desvio de recursos do Estado. O esquema consistia em concessão fraudulenta de gratificação em nome de diversas pessoas, sem o consentimento ou o conhecimento delas, para pagamento ilegal à Wilson Chacon Júnior, que também foi condenado, a uma pena de 8 anos e quatro meses de reclusão. De acordo com o MP, Wilson Chacon trabalhou em empresas de Fernando Freire e tinha créditos trabalhistas a receber.

O Ministério Público Estadual acusou o ex-governador, além de Maria do Socorro Dias de Oliveira e Wilson Chacon da prática do crime de peculato, praticado entre agosto de 2001 a dezembro de 2002, e, ainda, a prática de falsidade ideológica.

A acusação afirmou que o desvio de dinheiro ocorria dentro de um esquema comandado por Fernando Freire, que consistia na concessão fraudulenta de gratificação de gabinete em nome de diversas pessoas. Segundo a acusação, a coleta de dados era operada por Maria do Socorro, que exercia o cargo comissionado de coordenadora-geral da Vice-Governadoria e da Governadoria do Estado.

“Fernando Freire possuía o domínio organizacional do fato, gerindo a máquina pública de maneira irregular, e direcionando o numerário que controlava em razão de seu cargo da forma que lhe aprouvesse”, explicou o juiz Bruno Montenegro.

No total, R$ 88.240,00 foram desviados em favor de Wilson Chacon Júnior, através de 11 guias de cheque e 16 cheques salários, emitidos no nome de familiares de Wilson.

“O esquema foi descortinado a partir da reclamação de diversos contribuintes, que fizeram declaração de isenção do imposto de renda no ano de 2003 e findaram caindo na popularmente chamada ‘malha fina’, pois a Receita Federal tinha informações sobre o recebimento, por estas pessoas, de rendimentos tributáveis acima do limite de isenção, tendo como fonte pagadora o Estado do Rio Grande do Norte”, explicou o juiz na sentença.

A sentença absolveu a ré e delatora Maria do Socorro de Oliveira, após pedido de perdão judicial do MP. Ela cumpria ordens do então vice-governador, de quem recebia diretamente os documentos de pessoas que seriam contempladas com gratificações de gabinete.

(Processo nº 0000418-93.2006.8.20.0001)

TJRN

Pesquisa Certus aponta liderança de Capitão Styvenson para o Senado na Grande Natal

Mesmo sem ainda ser filiado a um partido político, o Capitão Styvenson já é o nome preferido pelos eleitores da Grande Natal para o Senado, segundo a última pesquisa do instituto Certus, contratada pela Federação das Indústrias do Rio Grande do Norte (Fiern).

No levantamento da região metropolitana, Styvenson tem 26,7% das intenções de voto pro Senado. Em segundo lugar, vem o senador Garibaldi Filho (MDB), com 18,4%. O terceiro é o ex-senador Geraldo Melo (PSDB), com 11%.

Levando em consideração o Estado inteiro, somando as intenções de primeiro e segundo voto, o Capitão já está em segundo lugar, empatado tecnicamente, dentro da margem de erro de 3%, com o primeiros colocado. Garibaldi tem 21%, Styvenson 16,4%, Zenaide Maia (PR) 15%, Geraldo 13,2% e Antônio Jácome (PODE) 7,4%.

Registrada na justiça eleitoral com os códigos RN-08199/2018 e BR-04763/2018, a pesquisa “Retratos da Sociedade Potiguar” realizou 1.410 entrevistas domiciliares entre os dias 21 a 25 de julho de 2018 em todo o estado.

Morre o ex-vereador de Riachuelo, Serivan Sena

Pela manhã desta terça-feira, 31, a cidade de Riachuelo perdeu um dos maiores lideres da sua cidade, Serivan Sena.
Serivan foi vereador por 4 vezes, vice-prefeito da cidade, na gestão do pai de Mara Cavalcanti, Gonzaga Cavalcanti, tendo inclusive assumido a presidência da Câmara.

Deixamos aqui aos familiares e amigos, os nossos pêsames. A missa de corpo presente será em Cachoeira do Sapo, distrito pertencente ao Município de Riachuelo, às 16:00 horas e o enterro está previsto para às 17h no Cemitério do mesmo distrito.

Prefeita Mara Cavalcanti lamenta morte de Serivan Sena em seu Instagram

Prefeita Mara Cavalcanti em seu Instagram lamenta a morte do ex-vereador e ex-vice-prefeito de Riachuelo, Serivan Sena.

Confira na instegra:

Meu grande amigo Serivan. Hoje é um dia muito difícil onde a dor da sua perda é uma das mais difíceis.

Você que sempre esteve ao meu lado, em todos os momentos, compartilhando dos muito felizes e também dos mais tristes e difíceis.

Seu olhar carinhoso, sua mão amiga, sua disposição em sempre se doar para a família, amigos e ao povo de Cachoeira do Sapo, são marcas de um homem valoroso e do coração grandioso que você sempre foi.

Nossas caminhadas, nossas conversas, os seus conselhos e ensinamentos, a palavra certa no momento certo, sua companhia. Sempre soube se posicionar e com sua força, garra e luta, mostrou o ser humano excepcional e de grande valor que tive o prazer de ter como amigo.

Sua fidelidade aos seus princípios, as suas opiniões e convicções, seu caráter irrepreensível, são suas características naturais e um exemplo a ser seguido por todos nós.

A certeza de que jamais você será esquecido, será o combustível que alimentará a todos que agora sofremos a sua perda tão difícil.

Quero deixar minha solidariedade e meu mais profundo sentimento de pesar a Jaina e Caetano, assim como a todos os familiares e amigos. E dizer que sinto a mesma tristeza e dor e peço a Deus que console a todos os corações. Nesse momento, somente Deus é capaz de dar o conforto necessário.

Obrigada por tudo, meu amigo. Descanse em paz, Serivan!

 

 

PF investiga desvio de recursos e lavagem de dinheiro em obras nas rodovias no RN

A Polícia Federal deflagrou na manhã desta terça-feira, 31, a Operação Via Trajana com a finalidade de reunir provas de desvio de recursos públicos e lavagem de dinheiro, entre outros delitos, no Estado do Rio Grande do Norte, fatos ocorridos nos anos de 2009 a 2010.

A operação decorre de trabalho anterior realizado pela própria Polícia Federal e o Ministério Público Federal quando da deflagração da primeira fase da investigação denominada Via Ápia. Vinte e sete mandados judiciais de busca e apreensão estão sendo cumpridos por 120 policiais federais na Grande Natal e em mais 7 Estados da Federação.

Em virtude de novas evidências surgidas durante o trâmite das ações penais em curso restou evidenciada a ação criminosa de outros envolvidos que à época não foi possível apontar. Entre os diversos fatos sob apuração está o pagamento de vantagem pecuniária indevida, propina, em contratos celebrados entre o DNIT/RN e construtoras responsáveis pelas obras rodoviárias no RN.

Via Trajana, também conhecida Via Romana, é a extensão da Via Ápia. Faz-se associação entre as vias romanas e o objeto da investigação que apura corrupção nos contratos de adequação da BR-101 e as obras de manutenção das rodovias federais do RN.

Agora RN

Abertura do JERNS em São Paulo do Potengi aconteceu nesta segunda (30)

Fotos: Lucas Tavares

Com a presença de várias autoridades, na noite desta segunda-feira, 30, no ginásio Aluízio Alves em São Paulo do Potengi/RN aconteceu a abertura oficial do JERNS (Jogos Escolares) etapa regional. Dentre elas o prefeito Naldinho, o Coordenador de Esportes da SEEC-RN, Professor Neto, o presidente da Câmara Municipal, Alysson Lindálrio e do diretor da 4ª DIREC, professor Silvério Alves.

As Bandas Marciais das Escolas Estaduais Herondina Caldas (Serra Caiada) e da Pedro Alexandrino (São Pedro), abrilhantaram a solenidade. Alunos da Escola Estadual Maurício Freire (São Paulo do Potengi), encenaram uma peça teatral e apresentaram uma coreografia.

A Etapa Regional dos JERNS que vai até o próximo dia 05 de agosto será disputada em várias modalidades e categorias esportivas, dentre elas futebol de campo, futsal e voleibol, masculino e feminino.

Sem aliança, PT e PSB negociam pacto de neutralidade e RN não entra na negociação

Reunida nesta segunda-feira (30) com o conselho político do partido, a presidente do PT, senadora Gleisi Hoffmann (PR), admitiu como remotas as chances de aliança com PSB para a corrida presidencial.

A senadora apresentou à cúpula petista o esboço de um acordo traçado com dirigentes do PSB. Pelo acerto, o PSB não selaria aliança nacional com adversários do PT para as próximas eleições, deixando de apoiar Ciro Gomes (PDT) ou Geraldo Alckmin (PSDB).

O PSB também abriria mão da candidatura do ex-prefeito Márcio Lacerda para o governo de Minas Gerais, o que poderia beneficiar a campanha pela reeleição do governador Fernando Pimentel.

Em troca, o PT retiraria a candidatura de Marília Arraes ao governo de Pernambuco, hoje um obstáculo à reeleição do governador Paulo Câmara (PSB). Petistas insistem, porém, na celebração de uma aliança formal.

Embora dirigentes do PT e PSB admitam essa articulação, o presidente do PSB, Carlos Siqueira, nega que a proposta esteja à mesa. Segundo ele, o PSB não tem vocação para satélite.

“Tratamos dos nossos interesses e os demais partidos, inclusive o PT, devem tratar dos seus respectivos interesses. Jamais adotaremos essa decisão, o pelo menos no quadro de hoje não é o caso, para atender a interesse de outro partido, mesmo esse partido sendo o PT”, afirmou o presidente do PSB.

Ao ouvir a proposta, petistas manifestaram contrariedade, lembrando que a neutralidade já é uma tendência do PSB para a disputa presidencial e duvidando da disposição de Lacerda atender a uma orientação de seu partido em Minas.

Os petistas frisaram ainda que a convenção do PSB acontece no dia 5 de agosto. O encontro do PT é na véspera. Sendo assim, não haveria garantia da desistência de Lacerda em Minas.

Na reunião, petistas insistiram para que o PT formalize convite para que Manuela D’Ávila ocupe a vice da chapa presidencial. Gleisi disse, porém, que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva deveria ser consultado antes dessa oferta.

Com informações da Folhapress e Notícias ao Minuto

Lula é o único nome do PT para presidência, afirma Haddad

Estadão

Dentro do Partido dos Trabalhadores não existe um plano B alternativo à candidatura do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, preso em Curitiba desde o dia 7 de abril, à Presidência da República no pleito de 2018, disse nesta segunda-feira, 30, o ex-prefeito de São Paulo Fernando Haddad.

“Vocês jornalistas estão trabalhando com um cenário e nós com outro. Estamos trabalhando com o Código Eleitoral e o Código no seu artigo 16 A dá total condições do Lula enfrentar a campanha, mesmo que haja por parte dos nossos adversários um pedido de impugnação”, disse Haddad.

De acordo com o ex-prefeito, com base na legislação eleitoral que dá amparo ao registro da candidatura de Lula, o PT levará seu nome até o fim. Indagado se aceitaria ser o candidato do partido, caso Lula seja impedido de concorrer, Haddad disse que “essa discussão não foi e não será aberta dentro do PT”.

Questionado pela reportagem sobre o fato de o PT, um dos maiores partidos do País, não trabalhar com mais de um cenário numa situação como essa – já que para alguns especialistas em direito eleitoral, Lula deverá ser impedido de concorrer ao Palácio do Planalto neste pleito, com base na Lei da Ficha Limpa -, Haddad retrucou: “Esta é a resposta mais sincera que posso te dar; nós nunca discutimos internamente um cenário sem o Lula. E é ele quem está conduzindo o processo e eu como seu parceiro e advogado vou lutar pelo seu registro.”

Haddad se reuniu nesta segunda-feira com o ministro da Fazenda, Eduardo Guardia, e com o presidente do Banco Central, Ilan Goldfajn