Dia: 4 de maio de 2018

Cacilda Pereira é pré-candidata a Deputada Federal pela Região do Potengi

 

Na manhã desta sexta-feira, 04, no Programa SALA DE DEBATE da Web Rádio São Paulo em São Paulo do Potengi, a Presidente do Lar São Camilo de Lélis de São Tomé e pré-candidata a Deputada Federal, Cacilda Pereira, falou sobre os projetos do Lar São Camilo e sua pré-candidatura a Câmara Federal.

“Desde os meus 9 anos de idade eu tinha o sonho de um dia ter uma casa para acolher e abrigar aquelas pessoas que mais necessitam de ajuda. Esse sonho foi realizado, hoje temos muita procura para abrigar mais pessoas e não temos como acolher por motivos que nosso espaço é pequeno. Hoje temos 30 pessoas que estão abrigado ali”, disse Cacilda.

Questionada sobre a sua pré-candidatura Cacilda falou que surgiu através de sua família e amigos. O SOLIDARIEDADE é o Partido a qual ela esta filiada.

“Eu abracei uma política seria, uma política com amizade e com seriedade. Meu filho e outros amigos me incentivaram a disputar outros cargos também na politica”, disse Cacilda.

VÍDEO NOTÍCIA: Manifestação em São Paulo do Potengi

Crédito: Lucas Tavares

Na manhã desta sexta-feira, 04, por volta das 12h da manhã, diante do fato ocorrido na noite desta quinta-feira, 03, aonde veio a obtido a garota Esthefany de apenas 2 anos, a população de São Paulo do Potengi foram as ruas protestar o ocorrido e reivindicar médicos para o Hospital Regional do município. A manifestação aconteceu em frente ao Banco do Brasil de São Paulo do Potengi.

Palavras de ordens foram ditas pelos populares e várias pessoas se solidarizaram com a família.

 

Hospital de São Paulo do Potengi emite nota sobre acontecimento da morte da criança

Diante do fato ocorrido ontem, dia 03 de maio de 2018, envolvendo a menor com as iniciais E. K. A. S. , o Hospital Regional de São Paulo do Potengi vem por meio desta NOTA PÚBLICA prestar os seguintes esclarecimentos:

Por volta das 12:30hs de ontem, deu entrada no Hospital Regional de São Paulo do Potengi a menor E. K. A. S. com febre alta, segundo relato da mãe da criança. A temperatura foi verificada e constatada a febre de 39.5ºc. As enfermeiras Olga Fabrício e Patrícia Macedo, decidiram por fazer envoltório na criança na tentativa de baixar a temperatura. Como o Hospital não contava com o profissional médico, no momento, e diante do quadro da criança (palidez acentuada e largada) as profissionais acima citadas resolveram solicitar exame laboratorial (hemograma). Diante do resultado do exame foi visto a gravidade do caso e as profissionais plantonistas iniciaram as tentativas de regulação para as unidades hospitalares da Capital do Estado. A vaga para internamento foi regulada para o Hospital Infantil Varela Santiago. E, de imediato, a menor foi transferida para aquela unidade na ambulância local, com o acompanhamento de uma profissional de enfermagem. E foi recebida pela equipe médica de plantão.

Portanto, os primeiros atendimentos foram, devidamente, prestados pela equipe de plantão do Hospital Regional de São Paulo do Potengi.

04 de maio de 2018.
Direção Geral do Hospital Regional de São Paulo do Potengi

Wober Júnior anuncia que PPS apoiará candidatura à reeleição de Robinson

O ex-deputado estadual Wober Júnior, presidente estadual do PPS, anunciou nesta quinta-feira, 3, que o seu partido fará coligação com o PSD nas eleições de 2018 no Rio Grande do Norte.

Com isso, o PPS é mais um partido a declarar apoio à candidatura à reeleição do governador Robinson Faria (PSD).

“Avaliamos a conjuntura do estado. Das candidaturas que estão postas, e depois de uma análise apurada, o partido chegou à conclusão que quem pode melhor dirigir o Rio Grande do Norte com conhecimento, capacidade e equilíbrio para superar a crise é o atual governador Robinson Faria”, declarou Wober Júnior, ao anunciar a aliança.

AGORA RN

Deputado Felipe Maia afirma que RN possui mais de R$ 36,5 Milhões para obra de cisternas

Nesta quinta-feira (3), em discurso na tribuna do Plenário da Câmara dos Deputados, o coordenador da bancada potiguar, deputado federal Felipe Maia (DEM), destacou que o estado “possui em caixa” mais de R$ 36,5 milhões em recursos financeiros para a execução das obras de cisternas no Rio Grande do Norte. Segundo ele, a informação foi dada durante uma reunião com o Secretário Secretário Nacional de Segurança Alimentar e Nutricional do Ministério de Desenvolvimento Social (MDS), Caio Rocha, que está responsável pela administração do Programa Um Milhão de Cisternas.

“Há alguns dias circulava uma notícia muito negativa no nosso estado, que o RN estaria fora de um chamamento público para a execução do Programa Um Milhão de Cisternas. O que nunca foi verdade! Como coordenador da bancada fiz questão de ir ao Ministério para buscar informações sobre essa situação. O Secretário Caio Rocha informou que o RN possui um significativo montante de recursos disponíveis, ou seja, no caixa do orçamento do estado, que totalizam mais de R$ 36,5 milhões para as obras das cisternas. Uma notícia que me soou satisfatória e positiva”, disse o parlamentar.

De acordo com o deputado federal, este montante é a soma de recursos que estão disponibilizados na Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Distrito Federal (Emater), na Secretaria de Estado do Trabalho, da Habitação e da Assistência Social do RN (Sethas), na Secretaria de Recursos Hídricos do RN (Semarh), na Secretaria de Agricultura e Pesca do RN (Seape) e no convênio feito com a Articulação Semiárido Brasileiro no Rio Grande do Norte (Asa Potiguar).

“Cada Secretaria possui uma parte de recursos a serem direcionados ao Programa. Fiquei tranquilizado e feliz ao saber que os recursos existem e as obras irão continuar por todo território potiguar. Com a construção das cisternas milhares de famílias que vivem da agricultura familiar serão beneficiadas com o abastecimento de água mais efetivo, minimizando assim os impactos da seca”. comemorou Felipe Maia.

Segundo o parlamentar, além desse montante para a execução das obras das cisternas, haverá mais um adicional. “Em conversa com o Secretário de Agricultura e Pesca do RN, Guilherme Saldanha, fui comunicado que será aberto um Edital para Chamamento Público para selecionar as empresas interessadas em executar as obras, no valor de R$ 12 milhões. Este valor será somado ao já existente em caixa na Seape, que já possuí R$ 3 milhões. Ou seja, no total, o RN terá cerca de R$ 48 milhões para a construção das cisternas. A população potiguar merecia ter conhecimento dessa notícia, pois sofre com a escassez de água. Afirmo que a bancada continuará na luta por mais recursos para garantir o fornecimento de água em todos os 167 municípios do nosso estado”, enfatizou.

Em SP, Rogério Marinho lança livro e participa de painel sobre a modernização das leis trabalhistas

O deputado federal Rogério Marinho (PSDB) lançou nesta quinta-feira (03), em São Paulo, o livro “Modernização das leis trabalhistas: o Brasil pronto para o futuro”. O lançamento fez parte da programação do painel 150 dias da Reforma Trabalhista, realizado no World Trade Center (WTC) da capital paulista, e que contou com palestras do próprio parlamentar e do ministro do TST, Ives Gandra Filho. Em natal, o livro será lançado nesta segunda-feira (07), na sede da CDL, a partir das 18 horas.

Em sua palestra, o deputado destacou alguns dos avanços já registrados após a entrada em vigor da nova lei. Entre janeiro e março, o país registrou a geração de quase 200 novos postos de trabalho. Além disso, a Justiça trabalhista já aponta uma redução de aproximadamente 50% das ações impetradas no setor. E, segundo o parlamentar, com a recente queda da Medida Provisória que alterava o texto original, a tendência é de números ainda melhores, já que acabou a insegurança jurídica.

Rogério também rebateu as críticas feitas por associações de juristas a lei aprovada pelo Congresso Nacional e sancionada pelo poder Executivo. “Cada um no seu quadrado. Temos o Legislativo, que define as Leis, o Judiciário que julga a lei de acordo com o que foi aprovado, o Ministério Público, que deve fiscalizar a aplicação da Lei”, disse. Para o tucano, o país está aos poucos “consolidando a retomada da economia”.

Ainda pela manhã, o deputado fez um lançamento prévio da obra em evento realizado na Fiesp. Já nesta sexta-feira (04), mais uma solenidade será realizada em São Paulo no Novotel Jaraguá, a partir das 10 horas. Além de São Paulo e Natal, o livro será lançado em mais sete cidades do país, entre elas Rio de Janeiro, Salvador, Curitiba e Recife.

A obra é um documento que esmiúça a história recente do projeto que modernizou a legislação trabalhista do Brasil, com destaque para informações de bastidores sobre a tramitação da matéria no Congresso Nacional. O livro explica, em detalhes, o conteúdo e possíveis impactos da nova Lei 13.467/2017, também batizada de “Lei Rogério Marinho”.

O leitor poderá compreender, nas quase 200 páginas, os objetivos, as circunstâncias econômicas, políticas, históricas e os contrapontos que guiaram a feitura da modernização das leis trabalhistas brasileiras. Uma nova Lei que propiciou os meios para a mudança de estruturas arraigadas à sociedade desde os anos 1940.

O livro analisa e expõe sobre o tema dos direitos trabalhistas, da terceirização, da proteção às mulheres na nova Lei, da jornada de trabalho, do combate à insegurança jurídica, dos mecanismos legais de fortalecimento dos sindicatos representativos. Enfim, trata dos principais temas e impactos da modernização das leis trabalhistas. Dúvidas frequentes são dirimidas em respostas diretas e esclarecem pontos da legislação que ainda poderiam estar obscuros.